Índice de inflação no Brasil salta de 5,65% para 6,45%

Boletim publicado nesta semana e divulgado pelo Banco Central também mostrou alta na previsão de inflação para os anos de 2023 e 2024; confira

O IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) calculado para 2022 apontou um salto de 5,65% para 6,45% na inflação brasileira, segundo o Relatório Focus, divulgado na segunda-feira (14), pelo Banco Central. O índice de inflação oficial ainda demonstra que os números estão impactados pela alta de preços de commodities, por conta da guerra entre Rússia e Ucrânia.

Inflação segue em escalada; Brasil já sente efeitos de guerra na Europa – Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil/NDInflação segue em escalada; Brasil já sente efeitos de guerra na Europa – Foto: Marcello Casal Jr./Agência Brasil/ND

As projeções também não são animadoras. Isso porque o boletim publicado também mostrou alta na previsão de inflação para os anos de 2023 e 2024, indicando uma desancoragem ampla a dois dias da decisão do Copom (Comitê de Política Monetária), conforme informações do portal UOL.

Com a confirmação da nona alta consecutiva, a estimativa do IPCA para este ano já está 1,45% acima do teto da meta estabelecida para 2022, de 5,00%. O alvo central fica na casa dos 3,50%, com tolerância de 1,50% para cima e para baixo (2,00%).

Considerando as 111 alterações nos últimos dias, a média para 2022 também subiu, de 5,78% para 6,54%. Para 2023, as alterações feitas nos últimos cinco dias úteis elevaram a estimativa de 3,50% para 3,72%. A projeção para 2024 também subiu, de 3,10% para 3,15%, enquanto, para 2025, continuou em 3,00%.

Com a disparada dos preços de commodities e surpresas nos dados de inflação corrente, os economistas do mercado financeiro elevaram significativamente a previsão para o IPCA em março deste ano, de alta de 0,55% para 0,90%, conforme o Relatório de Mercado Focus. Um mês antes, o porcentual projetado era de 0,52%.

*Com informações de Estadão e UOL.

+

Economia Brasileira

Loading...