Saiba quando começam os saques do FTGS emergencial

Todos os trabalhadores que possuem saldo nas contas do FGTS podem resgatar seus saldos, no entanto, existe um teto máximo para saque

Dentre as medidas de apoio financeiro aos trabalhadores afetados pela pandemia da Covid-19 no último ano, o saque emergencial do FGTS foi uma das alternativas que ajudou a reduzir os impactos econômicos no país.

aplicativo do FGTSO plano de contingência foi elaborado no fim de 2020 – Foto: Arquivo/ND

O benefício ficou disponível para saque entre junho e dezembro de 2020 e, para esse ano a medida também é esperada.

Isso porque o benefício consta no plano de contingência do Governo Federal, elaborado ainda no ano passado para que, caso a segunda onda da Covid-19 chegasse no país o governo tivesse uma estratégia assertiva para a situação.

A medida deve funcionar nos mesmos moldes de 2020, liberando assim um saque de até um salário mínimo (R$ 1.100 em 2021) a todos os cidadãos com saldo nas contas ativas (emprego atual) e inativas (empregos anteriores) do fundo. Ainda não há uma data definida para liberação da nova rodada de saques do FGTS.

Quem tem direito ao saque do FGTS Emergencial?

Todos os trabalhadores que possuem saldo nas contas do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) podem resgatar seus saldos, no entanto, existe um teto máximo para saque de um salário mínimo, mesmo que o trabalhador tenha mais saldo, o máximo disponível será de um salário mínimo, para não comprometer os recursos do fundo.

Caso tenha o saque este ano, como solicitar?

O processo também deve ser o mesmo do ano passado. O cidadão deve acessar o aplicativo do FGTS, entrar em sua conta e selecionar a opção “Saque Emergencial FGTS”. Lá vai ter o botão “solicitar saque”, que deve ser clicado.

+

Economia Brasileira