Projeto que investirá R$ 100 milhões para levar internet a agricultores de SC é aprovado

Proposta do governo do Estado vai impactar produtores rurais de Santa Catarina e deverá ser implementado ao longo de dois anos

A Alesc (Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina) aprovou um projeto do governo de SC que tem o objetivo de fornecer internet a agricultores. Os deputados estaduais votaram a matéria em assembleia extraordinária realizada nessa terça-feira (21). O objetivo é inovar o agronegócio através da estrutura de fibra-ótica.

Produção agrária no interior de Santa Catarina – Foto: Divulgação/NDProdução agrária no interior de Santa Catarina – Foto: Divulgação/ND

A proposta tem como objetivo desenvolver a tecnologia agrária através de recursos da conectividade e, dessa forma, aumentar a produtividade no campo. O secretário da Agricultura, da Pesca e do Desenvolvimento Rural Altair Silva crê que este também é um modo de o produtor rural desenvolver seu conhecimento através de plataformas educativas.

O investimento previsto para os próximos dois anos é de R$ 100 milhões e, de acordo com a Secretaria de Comunicação do Estado cobrirá boa parte dos munícipios catarinenses do interior. A Secretaria de Agricultura também garantirá suporte para que os agricultores consigam efetivar a conexão.

O FDR (Fundo de Desenvolvimento Rural) disponibiliza uma linha de crédito especial com financiamentos sem juros para que os agricultores conectem suas propriedades à infraestrutura de fibra ótica nos respectivos municípios.

A operação beneficia também as empresas do setor de telecomunicações e a economia como um todo. Para viabilizar a implementação do projeto o governo do Estado cederia as estruturas de distribuição de energia elétrica da Celesc (Centrais Elétricas de Santa Catarina) para as provedoras de internet sem tarifas, taxas ou custos adicionais.

Além disso, a concessionária de energia elétrica do Estado terá o direito à serviços de internet de forma gratuita.  O projeto aguarda a sanção do governador Carlos Moisés (sem partido).

+

Economia SC

Loading...