Bairros de Balneário Camboriú longe da praia também terão disparada nos preços, diz investidor

Alargamento da Praia Central pode causar aumento de até 20% no preço dos imóveis dos bairros longe da praia

Os imóveis de frente para a nova Praia Central de Balneário Camboriú tiveram uma valorização de até 30%. Mas a disparada nos valores deve chegar também aos bairros mais afastados, os chamados “Caminhos do Mar”.

Bairros de Balneário Camboriú longe da praia também terão disparada nos preços, diz investidor – Foto: Bruno Golembiewski/NDBairros de Balneário Camboriú longe da praia também terão disparada nos preços, diz investidor – Foto: Bruno Golembiewski/ND

Serão sete corredores que vão interligar os bairros à praia. “A projeção é que haja uma valorização de até 20% nos imóveis localizados no trajeto dos sete novos ‘Caminhos do Mar’, isso porque essas ruas serão revitalizadas, vão integrar os bairros com a praia e terão calçadas compartilhadas, urbanização exclusiva e incentivo ao comércio”, explica o especialista no mercado imobiliário Renato Monteiro.

> Com alargamento da praia, BC pode ter o metro quadrado mais caro do país

Projeto em elaboração

O projeto do Masterplan inclui a criação de sete calçadões interligando os bairros à praia. As ruas e avenidas transformadas serão: avenida das Gaivotas/rua Miguel Matte, rua Síria, rua 1901, rua Indonésia, rua 1001, avenida Santa Catarina, rua 1500, rua Campo Erê, rua 2500, rua Dom Henrique, rua 3100, rua Dom Afonso e rua 3700.

A ideia dos “Caminhos do Mar” foi apresentada no Masterplan criado pelo arquiteto Jaimer Lerner e dá diretrizes para a cidade se desenvolver com infraestrutura e sustentabilidade nos próximos 30 anos. O projeto final da obra de revitalização da Orla Central, que deve englobar os “Caminhos do Mar”, está em fase final de elaboração e a licitação da obra deve ocorrer em 2022.

> Veja tudo sobre o alargamento da Praia Central

Avenida Brasil também será impactada

O projeto Masterplan prevê ainda um novo binário da Avenida Brasil que promete desafogar o trânsito na região. A nova avenida terá três faixas de rolamento e estacionamentos subterrâneos. “As mudanças previstas para a Avenida Brasil também vão impactar positivamente no valor dos imóveis, já que irão proporcionar um trânsito mais rápido e seguro. Vale destacar que o sistema viário é hoje um dos maiores problemas da cidade”, avalia Renato.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Itajaí e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Economia SC

Loading...