BC milionária: reurbanização da praia Central deve superar US$ 60 milhões de investimentos

Primeiros investimentos para nova orla Central de Balneário Camboriú foram anunciados, mas obra deve contar ainda com apoio da iniciativa privada

Depois dos R$ 66,8 milhões de investimentos para triplicar a faixa de areia da praia Central, Balneário Camboriú no Litoral Norte de Santa Catarina se prepara para uma nova etapa milionária de investimentos, agora, para reurbanização da orla da praia Central.

Só de investimentos públicos a obra já garantiu US$ 58 milhões por meio da Cofiex (Comissão de Financiamento Exterior) do Ministério da Econômia, que aprovou na última segunda-feira (13) a Carta Consulta apresentada pelo CIM-AMFRI (Consórcio Intermunicipal Multifinalitário da Região da Associação dos Municípios da Foz do Rio Itajaí) para a implementação das ações previstas no projeto que inclui ainda Itajaí e Navegantes.

Nova orla da praia Central de Balneário Camboriú tem investimentos iniciais de UU$ 58 milhões – Foto: Secom BC/Reprodução/DivulgaçãoNova orla da praia Central de Balneário Camboriú tem investimentos iniciais de UU$ 58 milhões – Foto: Secom BC/Reprodução/Divulgação

O prefeito de Balneário Camboriú, Fabrício Oliveira (Podemos), destaca que a expectativa é que as obras da nova orla comecem no primeiro semestre de 2022. “Nós ainda estamos avaliando os detalhes do projeto pra ter a noção total de investimentos necessários para a reurbanização. Nosso objetivo é que já nos primeiros meses do próximo ano a obra seja iniciada”, explicou Oliveira.

Os investimentos aprovados pela Cofiex incluem também o polêmico túnel submerso do Rio Itajaí-Açu, que vai ligar Itajaí a Navegantes, o Sistema de Transporte Coletivo Regional (STCR/AMFRI) e a Mobilidade Ativa na Orla Central de Balneário Camboriú.

Túnel sob o Rio Itajaí-Açu vai ligar três cidades do Litoral Norte de SC – Foto: Amfri/DivulgaçãoTúnel sob o Rio Itajaí-Açu vai ligar três cidades do Litoral Norte de SC – Foto: Amfri/Divulgação

Ao todo, de investimentos públicos, serão 120 milhões de dólares, ou seja, mais de R$ 688 milhões. Outra parte do projeto, mais de US$ 240 milhões (mais de R$ 1,3 bilhões) serão provenientes de investimentos privados.

“A iniciativa privada vai investir porque tanto o Sistema de Transporte Regional, quanto o Túnel vão funcionar por concessões. Diante disso, o município entra com as obras necessárias de infraestrutura e mobilidade para o funcionamento destes sistemas e a iniciativa privada com as concessões”, salientou o prefeito de Balneário Camboriú.

Ainda nesta segunda-feira (20), o Presidente do CIM-AMFRI, Emerson Stein, esteve reunido com o prefeito de Balneário Camboriú, Fabrício Oliveira, com o Prefeito de Itajaí, Volnei Morastoni (MDB), e com o Prefeito de Navegantes, Liba Fronza (DEM), para alinhar os próximos passos do projeto.

A estruturação do financiamento, que ainda depende da aprovação do legislativo dos três municípios e do Senado Federal, vai começar em janeiro de 2022, assim como os projetos definitivos das obras, modelagem jurídica da concessão e estudos de viabilidade técnica, econômica e ambiental.

Nova orla de Balneário Camboriú

Um projeto da Índio da Costa, escritório de arquitetura do Rio de Janeiro, prevê área de lazer, banheiros, quiosque entre outros ambientes que devem transformar toda extensão da praia Central.

Apresentado na abertura da temporada de verão no último sábado (4), o projeto, no entanto, ainda não está definido. A Índio da Costa vai finalizar as últimas propostas e encaminhar á prefeitura, que vai aprovar, ou não, ou projeto que posteriormente será doado ao Instituto BC+ formado por um grupo de empresários e investidores da cidade.

Projeto de reurbanização da praia Central de Balneário Camboriú prevê quiosques e áreas de lazer - Reprodução Índio da Costa/Divulgação
1 7
Projeto de reurbanização da praia Central de Balneário Camboriú prevê quiosques e áreas de lazer - Reprodução Índio da Costa/Divulgação
Praia Central de Balneário Camboriú ganha projeto de reurbanização - Índio da Costa/Reprodução/Divulgação
2 7
Praia Central de Balneário Camboriú ganha projeto de reurbanização - Índio da Costa/Reprodução/Divulgação
Apesar de imagens prévias, projeto de reurbanização ainda não está definido - Índio da Costa/Reprodução/Divulgação
3 7
Apesar de imagens prévias, projeto de reurbanização ainda não está definido - Índio da Costa/Reprodução/Divulgação
Projeto de reurbanização de Balneário Camboriú é de escritório de arquitetura do Rio de Janeiro - Índio da Costa/Reprodução/Divulgação
4 7
Projeto de reurbanização de Balneário Camboriú é de escritório de arquitetura do Rio de Janeiro - Índio da Costa/Reprodução/Divulgação
Projeto será apresentado a população de Balneário Camboriú no próximo ano - Índio da Costa/Reprodução/Divulgação
5 7
Projeto será apresentado a população de Balneário Camboriú no próximo ano - Índio da Costa/Reprodução/Divulgação
Quiosques, área de lazer e banheiro vão compor a reurbanização - Índio da Costa/Reprodução/Divulgação
6 7
Quiosques, área de lazer e banheiro vão compor a reurbanização - Índio da Costa/Reprodução/Divulgação
Além da restinga, Balneário Camboriú terá calçadão da praia Central reurbanizado - Índio da Costa/Reprodução/Divulgação
7 7
Além da restinga, Balneário Camboriú terá calçadão da praia Central reurbanizado - Índio da Costa/Reprodução/Divulgação

A licitação e apresentação do projeto final à comunidade está prevista para o próximo ano. Mas na apresentação prévia já foi possível visualizar como a praia Central de Balneário Camboriú vai ficar.

O projeto prevê quiosques, área de lazer, novo mobiliário urbano, plantação de árvores nativas em toda extensão da praia Central, banheiros, ciclovias entre outras melhorias que devem atrair mais visitantes para a praia.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Itajaí e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Economia SC

Loading...