Blumenau anuncia plano de retomada econômica para reverter crise causada pela pandemia

Ações vão da criação de plataforma digital para negócios de economia criativa a plano de concessões públicas

A prefeitura de Blumenau nunciou na manhã desta sexta-feira (14) o Plano de Retomada Econômica para reverter a crise causada pela pandemia de Covid-19.

Prefeitura de Blumenau anuncia plano de retomada econômica – Foto: Michele Lamin/Prefeitura de BlumenauPrefeitura de Blumenau anuncia plano de retomada econômica – Foto: Michele Lamin/Prefeitura de Blumenau

Em uma transmissão ao vivo pelas redes sociais, o prefeito Mário Hildebrandt discorreu sobre o processo de análise da crise e sobre como o município planeja a recuperação dos diversos setores econômicos. Segundo Hildbrandt, o plano foi criado em parceria com diversos agentes da sociedade, como empresas, entidades, servidores públicos e cidadãos, que contribuíram para traçar as propostas.

Foram apresentadas ações para cinco setores: Economia Criativa, Turismo, Tecnologia e Inovação, Empresarial e Comércio, RH e Empregabilidade, além de mudanças nas práticas da gestão pública.

As ações são diversas e incluem desde a criação de uma plataforma digital para a divulgação de produtos e serviços locais até a flexibilização da legislação para os Microempreendedores Individuais (MEIs), com a edição de um decreto que simplifica os processos para estimular o empreendedorismo local.

Também foi anunciado o programa Juro Zero, uma concessão de crédito para MEIs, Microempresas (MEs) e empresas individuais (EIs) de Blumenau com juro subsidiado pela prefeitura.

Concessões públicas

Hildebrandt também anunciou um pacote de concessões públicas para estabelece parcerias com a iniciativa privada. Foram anunciadas cinco concessões: Praça Dr. Blumenau, Praça da Estação, Restaurante Frohsinn, Museu da Cerveja e Mercado Público. Os editais dos processos de concessão serão lançados até o final de agosto.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Blumenau e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Economia SC

Loading...