Karina Manarin

Com foco em notícias de política, o blog traz todos os dias também as informações do cotidiano e que interferem diretamente na vida das pessoas de todo o Sul Catarinense.


Caminhão de transportadora precisa ser rebocado em Porto Seco de Criciúma

Local destinado a implantação do Porto Seco ainda não tem asfalto

Empresário Hugo Nascimento registrou nesta manhã a precariedade da área destinada a implantação do Porto Seco na cidade de Criciúma.

O caminhão carregado de medicamentos precisou ser rebocado para sair do local.

O projeto do Porto Seco tem mais de 20 anos e os esforços para concretizá-lo poucas conquistas alcançaram até o momento.

A intenção é reunir no local, com área de 580.432 metros quadrados, reunir empresas de transportes e assim, retirar também o trânsito de veículos pesados do Centro da cidade.

Por ora, as empresas que se instalaram, a espera da infraestrutura, como o asfalto, enfrentam dificuldades como a registrada hoje.