Como vai funcionar o Atacadão do Carrefour em Joinville

Atacadão vai abrir no lugar da loja do Makro, localizada às margens da BR-101, Km 40, bairro Glória, em Joinville

Joinville vai ganhar mais um grande supermercado: será o Atacadão, da rede Carrefour, que comprou a loja do Makro Atacadista localizada às margens da BR-101, Km 40, bairro Glória.

Assim será a fachada do Atacadão, da rede Carrefour, em JoinvilleAssim será a fachada do Atacadão, da rede Carrefour, em Joinville – Foto: Divulgação ND

O Makro fechou as portas no dia 18 de maio deste ano após a compra pela rede Carrefour. Em setembro, a Superintendência Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE) aprovou a aquisição, pela rede Carrefour, de 30 lojas (sendo 22 próprias e 8 alugadas) e 14 postos de combustíveis operados pelo Makro, localizados em 17 estados brasileiros. Uma delas é a de Joinville.

Já nesta semana (segunda-feira, dia 30), a rede Carrefour informou que a companhia efetuou o pagamento ao Makro no montante de R$ 289.620.444,00 referente à compra de três lojas próprias e dois postos de combustíveis da rede Makro localizados em Santa Catarina, Rio de Janeiro, Santa Catarina e Bahia.

A nota chamada de “fato relevante” é assinada por Sébastien Durchon, diretor vice-presidente de Finanças e Diretor de Relações com Investidores Grupo Carrefour Brasil.

Além da unidade em Joinville, no Norte do Estado, outra loja da rede Makro em Santa Catarina que fez parte da negociação foi a de Florianópolis.

As demais lojas e postos de gasolina, continuou o grupo Carrefour, serão transferidos para a Companhia tão logo sejam concluídos os processos de regularização de titularidade junto aos Cartórios de Registro de Imóveis competentes e de cessão dos contratos de locação remanescentes.

Há, inclusive, um plano de crescimento do Atacadão para os próximos anos, com a expectativa de abrir 20 lojas por ano no Brasil. As cidades catarinenses – Joinville e Florianópolis  – foram escolhidas por estarem em locais privilegiados, com bons tamanhos e configuração.

Como funciona o Atacadão

Ainda não há uma data certa para o início das atividades do Atacadão em Joinville, às margens da BR-101. Um plano para o início das operações será anunciado em breve.

No entanto, já se sabe como o Atacadão funciona: chamadas de unidades de autosserviço, as lojas recebem comerciantes, transformadores e consumidores finais para compras em atacado ou varejo, no formato denominado atacarejo. Os preços podem variar conforme o volume de compras. É possível, portanto, comprar apenas no varejo.

Hoje, em Santa Catarina, há lojas do Atacadão em Itajaí, Blumenau, Chapecó e Içara – todas no modelo de autosserviço e um atacado de entrega, em Itajaí. No País, são mais de 200 lojas, informou a assessoria de imprensa. 

Sobre as vendas das unidades para o Grupo Carrefour, o Makro Atacadista falou à época que o integram o movimento de reestruturação da empresa já anunciado em  janeiro de 2020. Com a otimização da rede de lojas, a companhia confirma a continuidade de sua operação no Brasil exclusivamente no Estado de São Paulo.

BIG da Beira-rio fechará as portas em dezembro; galeria de lojas permanece aberta

Recentemente, em Joinville, outra notícia envolvendo o setor de supermercados veio à tona. O Grupo BIG informou que o supermercado BIG da Beira-rio, bairro América, em Joinville, entrará em reforma e, em breve, reabrirá em um novo formato, como Sam’s Club, um clube de compras dentro do modelo de atacado.

A Galeria de Lojas BIG, no entanto, continua aberta normalmente. São 50 lojas de serviços voltados ao cidadão, como centro automotivo, lotérica, perfumaria, academia, presentes, roupas, acessórios e farmácia, além da praça de alimentação, que também segue atendendo nos mesmos moldes e horários.

Apenas o supermercado BIG fechará as portas em dezembro deste ano e ficará cerca de quatro meses em reforma.

Acesse e receba notícias de Joinville e região pelo WhatsApp do ND+

Entre no grupo
+

Economia SC