Concessionária de Joinville se consolida como maior representante da GM na América Latina

Concessionária domina mercado da Chevrolet nos países latino-americanos

Expansão para Florianópolis e a consolidação como a maior representante da Chevrolet de toda a América Latina. É assim que a concessionária joinvilense Metronorte dá o pontapé inicial no último trimestre do ano.

O empresário Feres Nabhan expandiu os negócios e a Metronorte se torna a maior representante da GM na América Latina – Foto: Divulgação/Metronorte/NDO empresário Feres Nabhan expandiu os negócios e a Metronorte se torna a maior representante da GM na América Latina – Foto: Divulgação/Metronorte/ND

A Chevrolet nomeou o Grupo Metronorte na Grande Florianópolis e, além de se consolidar como a maior representante catarinense da GM, ela fez mais. Com a expansão, a Metronorte é a maior representante da montadora em toda a América Latina.

“Temos volume, condição, preço e esse volume agregou valor para nos tornarmos o maior distribuidor Chevrolet da América Latina”, fala o empresário Feres Nabhan.

A qualidade, que já é uma característica da Chevrolet, aliada ao atendimento e tecnologia disponibilizados pela Metronorte levam a Florianópolis o sucesso já conhecido e reconhecido pelos clientes paranaenses e catarinenses.

Em Joinville, maior cidade do Estado, a Metronorte atua desde 2011. Com 740 colaboradores, o volume de veículos disponíveis e a força de estoque, atendimento e tecnologia, a concessionária chega à Capital do Estado.

“Nós trouxemos muito volume de carros novos e usados, o mundo digital e o agendamento na oficina digital. O cliente tem todo acesso ao nosso Grupo pelo aplicativo. Hoje, o mercado de automóveis está desabastecido por conta do problema com peças e, para nossa entrada em Florianópolis, conseguimos reservar um volume de carros para os primeiros seis meses com muita qualidade. A nossa responsabilidade é não deixar a cidade descoberta”, salienta.

Além do volume e estoque de veículos, a Metronorte chega à Capital com estoque de itens à disposição para atender à demanda dos clientes da Grande Florianópolis.

“A disponibilidade de estoque de peças passa de 50 mil itens à disposição do nosso cliente. Estamos trazendo a força de volume para a Capital do nosso Estado. Temos muito trabalho para ser feito e a equipe é o sucesso desse trabalho. Investimos muito em treinamento”, reforça Nabhan.

Os sinais de aquecimento da economia refletem diretamente no setor de veículos. De janeiro a julho, o emplacamento de veículos leves teve aumento de 26% se comparado ao mesmo período de 2020, chegando a mais de 1,1 milhão de emplacamentos nos sete primeiros meses do ano.

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Economia SC

Loading...