Jurerê Internacional é o metro quadrado mais caro de Florianópolis; veja o valor

Levantamento acompanha o comportamento do preço médio de venda de imóveis residenciais em 50 cidades brasileiras, inclusive em Florianópolis; confira o ranking dos bairros mais valorizados

Jurerê Internacional, no norte da Ilha de Santa Catarina, continua sendo o bairro mais caro para se comprar um imóvel em Florianópolis. O local tem o metro quadrado mais valorizado da capital catarinense. O preço médio no último mês foi R$ 10.572, uma variação de 1,76% em relação a dezembro do ano passado, quando o metro quadrado na região estava avaliado em R$ 10.389. A média da capital catarinense ficou em R$ 7.480.

Vista de Jurerê Internacional, no Norte da Ilha de SC, que tem o metro quadrado mais caro de Florianópolis – Foto: Divulgação/NDVista de Jurerê Internacional, no Norte da Ilha de SC, que tem o metro quadrado mais caro de Florianópolis – Foto: Divulgação/ND

A informação faz parte do levantamento do Índice FipeZap, que acompanha o comportamento do preço médio de venda de imóveis residenciais em 50 cidades brasileiras.

Expansão comercial do sul da ilha. Fotos feitas no Campeche – Foto: Anderson Coelho/Arquivo/NDExpansão comercial do sul da ilha. Fotos feitas no Campeche – Foto: Anderson Coelho/Arquivo/ND

A novidade, em comparação com o levantamento realizado em dezembro do ano passado, foi o crescimento do bairro Campeche, no Sul da Ilha. O valor do metro quadrado no local era de R$ 9.665, mas subiu para R$ 10.039 no índice do mês passado, assumindo o segundo lugar da Capital, ao ultrapassar o bairro Agronômica, que tem o metro quadrado estipulado em R$ 9.776. Jurerê com R$ 9.689 e Centro com R$ 8.529 completam a lista dos cinco mais valorizados.

Por outro lado, os bairros que tiveram os menores valores na pesquisa foram Carianos (R$ 5.190), Capoeiras (R$ 4.584), Monte Cristo (4.329), Vargem do Bom Jesus (R$ 3.976) e São João do Rio Vermelho (R$ 2.178).

Segundo o Índice FipeZap, foram feitas amostra de 35.028 anúncios de vendas de imóveis em Florianópolis. A variação no mês de janeiro de 2021 em comparação com dezembro de 2020 foi de 0,88%. Em 12 meses, a variação acumulada foi de 7,35%.

Acesse e receba notícias da Grande Florianópolis pelo WhatsApp do ND+

Entre no grupo
+

Economia SC