Mais de 230 servidores receberam auxílio emergencial em Blumenau

Das 42 cidades das regiões do Médio e Alto Vale, apenas três não tiveram servidores recebendo o auxílio: Benedito Novo, Rio dos Cedros e Vidal Ramos

Um levantamento divulgado pelo MPC/SC (Ministério Público de Contas de Santa Catarina) e CGU-SC (Controladoria-Geral da União em Santa Catarina) revelou que 231 servidores públicos de Blumenau receberam o auxílio emergencial do Governo Federal.

Mais de 230 servidores receberam auxílio emergencial em Blumenau – Foto: Anderson Lira/FramePhoto/Estadão ConteúdoMais de 230 servidores receberam auxílio emergencial em Blumenau – Foto: Anderson Lira/FramePhoto/Estadão Conteúdo

Entre os beneficiários estão servidores ligados a Prefeitura, Câmara de Vereadores, além de aposentados e pensionistas do ISSBLU (Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau).

O número de servidores que receberam auxílio emergencial em Blumenau corresponde a 1,95% dos 11.832 que a cidade possui, segundo dados apurados pelo MPC/SC e CGU-SC.

O levantamento dos órgãos de controle teve como base as folhas de pagamento do mês de maio deste ano. Em Santa Catarina 8.486 servidores públicos municipais foram contemplados com o benefício.

O auxílio emergencial deveria ser destinado apenas à população desempregada ou que exerça atividade como microempreendedor individual (MEI), contribuinte individual da Previdência Social e trabalhador informal.

Servidores convocados

Procurada pela reportagem do ND+, a prefeitura de Blumenau disse que ainda no mês de junho convocou os servidores que receberam o auxílio para explicar a intenção e, nos casos em que o CPF dos servidores foi usado por criminosos, registrar o Boletim de Ocorrência.

Contudo, de acordo com o Secretário Municipal de Administração Anderson Rosa, a orientação de que penalidade ou encaminhamento jurídico será seguido vem do ente federativo e dos órgãos fiscalizadores.

“Temos informado mês a mês a lista dos servidores para que seja possível tomar as medidas preventivas e corretivas adequadas para devolver ao erário sua condição, além de deixar esse processo transparente e limpo”, diz Rosa.

Em apenas três cidades da região não houve recebimento indevido do auxílio emergencial

Das 42 cidades localizadas nas regiões do Médio e Alto Vale do Itajaí, apenas três não tiveram servidores recebendo o auxílio do Governo Federal: Benedito Novo, Rio dos Cedros e Vidal Ramos.

Ao todo, foram pelo menos 1.281 servidores em toda região que receberam o auxílio emergencial indevidamente.

O município com a maior porcentagem de servidores foi Rio do Sul. Dos 2.683 funcionários ligados a prefeitura, 361 receberam o benefício. O número corresponde a 13,4% do total de servidores.

Veja os números em cada cidade

A reportagem do ND+ apurou o número de servidores que receberam auxílio em cada uma das cidades do Médio e Alto Vale do Itajaí. Confira no mapa:

Acesse e receba notícias de Blumenau e região pelo WhatsApp do ND+

Entre no grupo
+

Economia SC