Cacau Menezes

cacau.menezes@ndtv.com.br Apaixonado pela sua cidade, por Santa Catarina, pelo seu país e pela sua profissão. São 45 anos, sete dias por semana, 24 horas por dia dedicados ao jornalismo


Nem a mítica Beira-Mar Norte dos seus condomínios tradicionais, nem a Jurerê das mansões

Novo Campeche e arredores liderando o metro quadrado mais caro de Floripa

Praia do Campeche, no Sul da Ilha,  Foto: Leo Munhoz/NDPraia do Campeche, no Sul da Ilha,  Foto: Leo Munhoz/ND

Nem a mítica Beira-Mar Norte dos seus condomínios tradicionais, nem a Jurerê das mansões. É o Novo Campeche e arredores que vem liderando o metro quadrado mais caro de Florianópolis. Muita gente vem cantando essa pedra há pelo menos uma década e esse dia chegou.

Uma rápida pesquisa nos sites das imobiliárias da cidade não deixa dúvida. E o desejo não é apenas pelo Novo Campeche, o epicentro de toda essa disputa, mas também se espalha pelo Campeche Central, Morro das Pedras e até o bucólico Ribeirão da Ilha. Para aluguel tem fila de espera, para comprar, os lançamentos esgotam muito antes da entrega das chaves.

O desejo que já vinha se desenhando foi impulsionado pela pandemia, que permitiu mobilidade maior por conta da popularização do home office. Se posso morar em qualquer lugar, porque não no paraíso. Especialista em Sul da Ilha, a Unik Imóveis, que não apenas aposta como vive a região há seis anos, se desdobra e aumenta a equipe para dar conta da busca elevada por imóveis na região.

A proximidade do novo aeroporto e as novas operações de  lazer contribuíram e muito para o quadro atual. Galeria Novo Campeche, que reúne restaurantes e bares, e o novo Garden Family & Friends, estão lotados nos finais de semana. E não apenas de moradores, mas de gente que cruza a Ilha para estar lá, confirmam. É o tempo do Sul!

Participe do grupo e receba as principais notícias
da Grande Florianópolis na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...