Fabio Gadotti

fabio.gadotti@ndmais.com.br Comportamento, políticas públicas, tendências e inovação. Uma coluna sobre fatos e personagens de Florianópolis e região.


Previdência complementar de Florianópolis é aprovada pela Câmara de Vereadores

Proposta encaminhada pelo Executivo limita a aposentadoria dos novos servidores ao teto do INSS

Sob protestos de representantes do Sintrasem (Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal), a Câmara de Florianópolis aprovou nesta terça-feira (16), por 15 votos a 7, o projeto que cria o regime de previdência complementar no serviço público municipal.

Plenário da Câmara de Florianópolis – Foto: Divulgação/NDPlenário da Câmara de Florianópolis – Foto: Divulgação/ND

A proposta, que limita a aposentadoria dos novos servidores ao teto do INSS, tramitou em regime de urgência urgentíssima a pedido do Executivo – que estava no limite do prazo definido pela legislação federal para aprovação da regulamentação local.

Quem quiser ter benefício acima do teto, que hoje é de R$ 6.433,57, terá que aderir à previdência complementar, como já funciona na iniciativa privada.

Loading...