Rôgga planeja mais de R$ 2 bilhões em lançamentos nos próximos 36 meses

Ao completar 14 anos, empresa de Joinville anuncia a construção de 4,5 mil novos apartamentos no Norte catarinense até 2023

Uma das 40 maiores construtoras do país, a Rôgga, com sede em Joinville, comemora 14 anos com o anúncio da modernização da marca e o lançamento, nos próximos três anos, de 4,5 mil novos apartamentos no Norte catarinense, o equivalente a mais de R$ 2 bilhões em VGV (valor geral de vendas).

Ainda neste ano, a empresa tem dois lançamentos confirmados: Skyline, em Penha, e Pantai, em Balneário Piçarras, somando um total de R$ 231 milhões.

Com um crescimento médio de 46,6% em vendas até o terceiro trimestre de 2020, a empresa espera manter o ritmo até dezembro, chegando a um incremento de 50% nos negócios.

“Festejamos o aniversário da construtora em outubro com excelentes resultados, prova de que a nossa intenção de ser reconhecida nacionalmente como uma empresa competitiva, confiável e inovadora vem se cumprindo. O ano tem sido excelente”, diz o presidente Vilson Buss.

Vilson Buss, presidente da construtora Rôgga – Foto: divulgação NDVilson Buss, presidente da construtora Rôgga – Foto: divulgação ND

Em 2020, a Rôgga já entregou 1.150 apartamentos em 14 torres, ultrapassando um VGV de R$ 315 milhões nas cidades de Joinville, Balneário Piçarras, Penha, Barra Velha e Jaraguá do Sul.

As metas para 2021 incluem a expansão para novos mercados e o lançamento de 12 empreendimentos, com VGV superior a R$ 400 milhões e cerca de 1.500 apartamentos.

Como parte das comemorações de aniversário, a Rôgga renovou sua marca, tornando-a mais digital e alicerçada no mote “Morar bem faz bem”.

“O perfil das famílias muda e as necessidades dos clientes também. Para representar essa evolução, criamos uma marca mais moderna e mais alinhada ao nosso conceito inovador”, explica o diretor comercial, Thales Silva.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Joinville e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Economia SC

Loading...