Veja quantas empresas abriram e fecharam em Joinville em 2020 e este ano

Dados das empresas são da Junta Comercial de Santa Catarina (Jucesc)

Joinville abriu 14.974 empresas entre microempresas (ME) e empresas de pequeno porte (EPP) em 2020, segundo dados da Junta Comercial de Santa Catarina (Jucesc).

Por outro lado, mais de 4 mil estabelecimentos fecharam as portas, muitos deles impactados pela pandemia da Covid-19. Foram extintas 4.080 empresas.

comércio no centro de JoinvilleComércio no centro de Joinville – Foto: Raquel Schiavini Schwarz/ND

O saldo -10.894 – ainda é positivo, segundo a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Sustentável de Santa Catarina. 

  • Dados de 2020 (Jucesc – Joinville)
    Constituídas: 14.974
    Extintas: 4.080

Se comparado apenas um período do ano passado – de 01/01 até 26/04 – com o mesmo período deste ano, houve um aumento de 35% de portas abertas. Em 2020, foram abertas 4.366 empresas; já este ano, no mesmo período, foram 5.649, o que demonstra uma reação no comércio. 

No entanto, mais empresas fecharam. Enquanto 1.317 foram extintas no ano passado; 1.533 fecharam este ano. 

  • Dados de 01/01 até 26/04 nos dois anos (Jucesc – Joinville)
    Constituídas em 2020 – 4.366
    Extintas em 2020 – 1.317
    Saldo em 2020 – 3.049 
  • Constituídas em 2021 – 5649
    Extintas em 2021 – 1533
    Saldo em 2021 – 4.116 

Apesar do impacto na economia causado pela pandemia, em abril deste ano R$ 27,9 milhões em investimentos privados foram aprovados para Santa Catarina: dois projetos de ampliação e expansão foram aprovados em reunião do Comitê Técnico do Programa de Desenvolvimento da Empresa Catarinense (Prodec), coordenado pela Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável (SDE). A expectativa é de gerar cerca de 224 empregos diretos e indiretos.

“O Prodec é um dos carros-chefe da Secretaria e do Governo do Estado no incentivo à ampliação e instalação de novas empresas. Os números de investimentos privados são significativos e as vagas de emprego geradas, por si só, compravam a importância de políticas de estado que incentivem o desenvolvimento e a competitividade de Santa Catarina”, declara o secretário de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável, Luciano Buligon.

Participe do grupo e receba as principais notícias
de Joinville e região na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Economia SC