Garagem 360

Blog automotivo focado em serviços. Novidades, dicas e informações para manter o seu carro sempre em perfeitas condições de uso.


Accord será o primeiro híbrido da Honda no Brasil

Accord será o primeiro híbrido da Honda no Brasil - Divulgação

Accord será o primeiro híbrido da Honda no Brasil - Divulgação

A Honda anunciou, em Tóquio, que o sedã Accord será o primeiro modelo comercializado no Brasil com a tecnologia de propulsão híbrida e:HEV, exclusiva da Honda Automóveis. O modelo é um dos três veículos híbridos que serão vendidos até 2023 no país, conforme compromisso firmado pela marca durante o Salão do Automóvel de 2018.

Quer ganhar um e-book exclusivo com dicas para cuidar melhor de seu veículo? Assine nossa newsletter neste link

O anúncio é feito no mesmo momento em que a Honda apresenta globalmente a sua nova nomenclatura e:TECHNOLOGY para veículos eletrificados. O e:HEV é a nova identificação para veículos híbridos, substituindo o nome i-MMD.

O Accord foi escolhido para estrear a tecnologia e:HEV no Brasil pelo fato de ser o modelo mais tecnológico comercializado pela marca localmente. E também por representar o topo do desenvolvimento de sedãs da Honda.

LEIA MAIS: W Series vai ter estreia de brasileira e retorno da campeã no grid de 2020
20 carros para família mais baratos que o Hyundai Santa Fe

“Com o Accord híbrido, a Honda pretende proporcionar aos consumidores brasileiros um produto que combina baixo consumo e emissões de poluentes a um comportamento dinâmico superior”, explica Issao Mizoguchi, presidente da Honda South America.

A tecnologia e:HEV traz diversos diferenciais. O sistema oferece performance aprimorada em diferentes cenários de condução, priorizando tanto a eficiência energética como a dinâmica divertida, em uma operação automática, na qual o condutor não precisa selecionar entre os três modos de operação do conjunto motriz híbrido.

Eficiência divertida
A tecnologia Honda e:HEV é composta de um motor 2.0 i-VTEC de quatro cilindros a gasolina, ciclo Atkinson, que funciona tanto para propulsão como para fornecimento de energia elétrica, e dois motores elétricos – um para propulsão e outro para geração, separados.

Pela configuração adotada para o sistema, não se faz necessário um conjunto de transmissão, sendo a conexão do motor a combustão com o eixo motriz controlada por um sistema de embreagem do tipo lock-up, com relação direta.

Com essa combinação, o Accord pode rodar em três modos de uso: EV Drive, Hybrid Drive e Engine Drive, selecionados automaticamente de forma a obter a melhor relação entre desempenho e eficiência energética.

O modo EV Drive permite o uso 100% elétrico e zero emissão de poluentes. Já no modo híbrido, o motor a gasolina fornece energia para o motor elétrico gerador, enquanto o excesso de energia produzido é convertido em carga para o sistema de baterias de íons de lítio. No modo Engine Drive, o motor a combustão transmite diretamente para as rodas, permitindo a máxima eficiência de trabalho.

Na maioria das situações, o Honda Accord circulará nos modos Hybrid Drive e EV Drive, para alcançar a melhor eficiência possível. O modo Engine Drive é adotado apenas em situações de velocidades de cruzeiro, em condições de estrada.

Veja, no álbum, comerciais antigos de carros clássicos.

 - Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND
1 21

- Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND

 - Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND
2 21

- Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND

 - Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND
3 21

- Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND

 - Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND
4 21

- Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND

 - Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND
5 21

- Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND

 - Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND
6 21

- Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND

 - Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND
7 21

- Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND

 - Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND
8 21

- Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND

 - Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND
9 21

- Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND

 - Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND
10 21

- Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND

 - Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND
11 21

- Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND

 - Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND
12 21

- Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND

 - Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND
13 21

- Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND

 - Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND
14 21

- Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND

 - Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND
15 21

- Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND

 - Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND
16 21

- Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND

 - Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND
17 21

- Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND

 - Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND
18 21

- Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND

 - Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND
19 21

- Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND

 - Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND
20 21

- Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND

 - Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND
21 21

- Foto: Divulgação - Foto: Divulgação/Garagem 360/ND