Escolas particulares de Joinville retomam atividades nesta segunda

Distanciamento social, uso do álcool em gel e aferição da temperatura estão entre as medidas adotadas no retorno das escolas

Após cerca de dois meses de férias, algumas escolas particulares de Joinville, no Norte do Estado retomaram as atividades nesta segunda-feira (1º). Distanciamento social, limitação de turmas e uso de álcool em gel são algumas das medidas adotadas neste retorno.

Escolas particulares retornam atividades Maioria das escolas particulares de Joinville retomaram as atividades nesta segunda-feira (1) – Foto: Centro de Educação Traços e Atos/Divulgação/ND

Segundo Rodrigo Calegari Feldhaus, da AEPESC (Associação das Escolas Particulares de Educação Infantil de Santa Catarina), o retorno está sendo tranquilo nas unidades do município.

“As escolas estão muito bem preparadas, seguindo todos os protocolos de segurança. Além disso, tanto crianças quanto professores estão fazendo o uso de máscara e respeitando as medidas de combate à doença, como a higienização das mãos”, enfatiza.

Feldhaus afirma, ainda, que todas as escolas estão realizando a aferição da temperatura na entrada.

Limitação das turmas continua sendo principal desafio

Por estar no nível gravíssimo, estabelecido pela matriz de risco do Estado, as escolas em Joinville só podem funcionar com 50% da capacidade total.

Devido a isso, as unidades tem optado por atender no sistema híbrido: uma parte dos alunos participa das aulas presenciais, enquanto a outra realiza as atividades online.

Porém, na visão de Feldhaus, isso tem sido o principal desafio, inclusive para as famílias das crianças.

“Nós entendemos que essa questão deveria ser revista, já que essa limitação também gera a clandestinidade. Além disso, a escola já provou que é um lugar seguro para as crianças”, explica.

A respeito de atividades de reforço, para recuperar o aprendizado perdido durante a ausência das aulas presenciais, Feldhaus diz que a questão será organizada individualmente pelas escolas.

Escolas particulares retomam atividade em Joinville Todas as atividades seguem os protocolos de segurança – Foto: Centro de Educação Traços e Atos/Divulgação/ND

Escolas devem ter PlanCon aprovado antes de funcionar

Para funcionar, os colégios devem respeitar os regramentos sanitários, incluindo as diretrizes no PlanCon (Plano de Contingência Estadual para Educação) —  documento elaborado em conjunto por mais de 15 entidades — de forma a garantir a retomada segura das atividades escolares.

Conforme a lei 18.032, que estabeleceu as normas para as aulas presenciais em 2021, e a portaria 983, que a regulamentou, o funcionamento de todas as escolas está liberado em todos os níveis, desde que sigam os critérios e as diretrizes.

Segundo o Sinepe (Sindicato das Escolas Particulares de Santa Catarina), a maioria dos colégios devem oferecer o ensino híbrido – aulas presenciais intercaladas com atividades online -, ao menos durante o primeiro semestre.

“A prioridade é atender a população estudantil seguindo com rigor as normas de segurança e higiene, incluindo o distanciamento de 1,5 m². Nas regiões liberadas, as escolas poderão manter aulas com até 100% dos alunos, desde que tenham espaço físico para cumprir com o distanciamento estabelecido”, informa o sindicato.

Aulas na rede municipal retornam na próxima segunda

As aulas presenciais na rede municipal de ensino retornam na próxima segunda-feira (8) em Joinville. A carga horária será completa, ou seja, diferente da retomada no fim do ano passado, quando os alunos ficavam apenas três horas na escola.

As turmas funcionarão com 50% da capacidade e em sistema de rodízio: em uma semana, metade dos estudantes estarão na escola e a outra parcela com as atividades em casa. Na semana seguinte, há a inversão desse sistema.

Escolas também seguirão uma série de medidas de segurança – Foto: Luana Amorim/NDEscolas também seguirão uma série de medidas de segurança – Foto: Luana Amorim/ND

Os estudantes e profissionais que fazem parte do grupo de risco continuarão com as atividades remotas. Além disso, os pais continuam com a opção de manter os filhos apenas com as atividades em casa.

Outra novidade é de que a merenda será servida em porções individuais, evitando aglomerações e possibilitando condições seguras de alimentação. As escolas também devem adotar medidas de segurança, como aferição de temperatura, higienização das mãos e o uso obrigatório de máscara.

Segundo a Prefeitura, esta semana o foco da Secretaria de Educação está na preparação das escolas para receber os alunos na próxima semana. Os professores retornam as atividades na próxima quarta-feira (3).

Acesse e receba notícias de Joinville e região pelo WhatsApp do ND+

Entre no grupo
+

Educação