Karina Manarin

Com foco em notícias de política, o blog traz todos os dias também as informações do cotidiano e que interferem diretamente na vida das pessoas de todo o Sul Catarinense.


Projeto proíbe linguagem neutra no Brasil com multa de R$ 5 mil caso haja descumprimento

Proposta do senador Jorginho Mello, do PL, prevê multa de R$ 5 mil em caso de descumprimento

O senador catarinense Jorginho Mello, do PL, apresentou nesta terça-feira nas comissões do Senado Federal,  projeto de lei que proíbe o uso da linguagem neutra em materiais didáticos usados em escolas públicas ou privadas de todo o país.

Proposta é do senador Jorginho Mello, do PL .Foto: Edilson Rodrigues/Agência SenadoProposta é do senador Jorginho Mello, do PL .Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado

O texto apresentado no senado ainda prevê multa de R$ 5 mil para as instituições que descumprirem a lei, caso ela seja sancionada. O dinheiro deverá ser revertido para o ministério da educação para serem investidos na educação pública.

Jorginho afirma que é preciso manter o ensino da norma da língua portuguesa. Além disso, a justificativa do projeto de lei aponta a proibição da imposição de expressões que reflitam diferentes preferências e comportamentos sexuais.

” Se não fizermos nada, eles começarão pelo jeito de falar e de agir, e daqui a pouco, falar do jeito correto passará a ser o errado e isso ameaça o direito à liberdade das nossas famílias, das crianças e de toda sociedade ” afirmou o senador catarinense.

Loading...