Depois de uma semana internado, ator Caio Junqueira morre no Rio

O ator Caio Junqueira morreu no início da manhã desta quarta-feira (23) depois de ficar uma semana internado no Hospital Municipal Miguel Couto, na zona sul da cidade do Rio de Janeiro. O artista sofreu um acidente automobilístico no dia 16 de janeiro, no Aterro do Flamengo, também na zona sul.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, ele estava internado no centro de tratamento intensivo (CTI) e morreu vítima de complicações do acidente. O ator tinha passado por uma nova cirurgia na última segunda-feira (21).

Caio Junqueira tinha 42 anos e trabalhou em várias novelas e séries televisivas. Também interpretou o aspirante Neto, no filme Tropa de Elite, lançado em 2007.

Na Record TV,  Caio ganhou destaque com o personagem Geraldo no remake da novela A Escrava Isaura (2004). Na mesma emissora, ele também participou da série A Lei e o Crime (2009), dos folhetins Ribeirão do Tempo (2010), José do Egito (2013) e Milagres de Jesus (2014).  O trabalho mais recente do ator foi na série O Mecanismo, da Netflix, de 2018.  

O ator Caio Junqueira morreu nesta quarta-feira, aos 42 anos - Divulgação/ RecordTV/ ND
O ator Caio Junqueira morreu nesta quarta-feira, aos 42 anos – Divulgação/ RecordTV/ ND

Mais conteúdo sobre

TV

Depois de uma semana internado, ator Caio Junqueira morre no Rio

Atualizado

O ator Caio Junqueira morreu no início da manhã desta quarta-feira (23) depois de ficar uma semana internado no Hospital Municipal Miguel Couto, na zona sul da cidade do Rio de Janeiro. O artista sofreu um acidente automobilístico no dia 16 de janeiro, no Aterro do Flamengo, também na zona sul.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, ele estava internado no centro de tratamento intensivo (CTI) e morreu vítima de complicações do acidente. O ator tinha passado por uma nova cirurgia na última segunda-feira (21).

Caio Junqueira tinha 42 anos e trabalhou em várias novelas e séries televisivas. Também interpretou o aspirante Neto, no filme Tropa de Elite, lançado em 2007.

Mais conteúdo sobre

Jornalismo

Nenhum conteúdo encontrado