Orquestra de Baterias reúne 482 músicos neste domingo no Centro de Florianópolis

A sexta edição da Orquestra de Baterias de Florianópolis reuniu ontem à tarde 482 músicos para a performance coletiva no Largo da Catedral Metropolitana, no Centro da Capital. O número de 2018 foi superior ao evento passado, que teve 350 inscritos.

Público lotou os arredores da Catedral para assistir ao show - Tóia Oliveira/Divulgação/ND
Público lotou os arredores da Catedral para assistir ao show – Tóia Oliveira/Divulgação/ND

O público, estimado em 12 mil pessoas, lotou os arredores desde o início da tarde para assistir aos bateristas executarem dez músicas: “Thunderstruck”, do AC/DC, “Song 2”, do Blur, “Paradise City”, do Guns ‘N’Roses, “You Know I’m no Good”, Amy Winehouse, “Breaking the Law”, do Judas Priest, “It’s My Life”, do Bon Jovi, “Beat It”, do Michael Jackson, “Evidências”, Chitãozinho e Xororó, além das músicas “Flor” e “Brasília”, respectivamente da banda de Florianópolis Parafuso Silvestre e do grupo de Criciúma Skatula, escolhidas por votação online.

A Orquestra de Baterias é um dos projetos mais expressivos e comentados da cena musical do Estado, já considerada a maior de todas
da América Latina. O evento começou em 2013, com apenas 34 baterias. Atualmente é a única no mundo a ter edições anuais.

Entretenimento