Sérgio Reis conta como compôs o hit “Coração de Papel” no Domingo Show

Atualizado

“Eu sou educado. Eu não ando com segurança. Eu trato todo mundo bem”, contou o cantor ao apresentador Geraldo Luis – Foto: Divulgação Record/ND

O Domingo Show deste domingo (19/1) traz uma reportagem especial sobre Sérgio Reis. Em entrevista a Geraldo Luis, o músico de sucessos como “Pinga Ni Mim” revela detalhes de sua vida pessoal e profissional. Inclusive, conta como surgiu um de seus principais hits, a canção “Coração de Papel”. O programa vai ao ar a partir do meio-dia.

Leia também:

“Eu comecei a escrever, não gostei. Apertei, rasguei e joguei no chão. Quando joguei no chão, olhei aquele papel amassado e falei: ‘Meu coração está assim amassado’. Aí, eu pensei: ‘Se você pensa que o meu coração é de papel…’. A música saiu em dez minutos”, afirma o cantor, que ainda dá detalhes de um acidente que sofreu durante um show.

Sobre a popularidade alcançada ao longo de todos esses anos de carreira, ele é categórico: “Eu sou educado. Eu não ando com segurança. Eu trato todo mundo bem.” Na matéria, o apresentador conversa com amigos íntimos de Sérgio Reis, que receberá homenagens no palco da atração.

“Baixinho” famoso

O programa também mostra como está José Valien, o “baixinho” mais famoso das propagandas brasileiros. Para isso, conversa com amigos do ator que contam como a carreira dele começou no mundo da publicidade.

Geraldo ainda revela onde ele mora, exibe um objeto valioso que ele guarda em um cofre e faz uma grande surpresa para o baixinho. “Deus falou assim: ‘Não, você merece! Entendeu?’ Então ele me deu uma chance. Eu não era ator, não era artista, não era ninguém”, desabafa Valien.

Mais conteúdo sobre

TV