Conteúdo por Gazeta Esportiva

WSL paralisa todas etapas até o fim de maio

A Liga Mundial de Surfe, a WSL (Word Surf League), cancelou todos os eventos até o fim de maio. A decisão foi tomada devido a pandemia do coronavírus.

O restante da etapa australiana do Championship Tour, na praia de Bells Beach e Margaret River, incluindo o desafio de ondas gigantes, foi adiado. O Quiksilver Pro G-land, programado para ocorrer em uma parte remota da Indonésia em junho, pode ser cancelado ou transferido para uma área com mais infraestrutura. Por outro lado, a etapa do Rio de Janeiro, marcada para os dias 18 a 26 de junho em Saquarema, está confirmada.

(Foto: Divulgação/WSL Brasil)

“As mudanças atuais e em rápida evolução nas viagens internacionais estão tornando extremamente desafiador determinar um momento apropriado para recomeçar e levar os surfistas para os locais de eventos com segurança. Temos toda a intenção de começar a temporada 2020 Championship Tour, e todas as nossas turnês, o mais rápido possível. No entanto, a principal preocupação da WSL agora é a saúde e segurança para nossos atletas, fãs e funcionários globais”, disse Erik Logan, diretor executivo da Liga.

A previsão é que a temporada volte em em junho, caso tudo esteja normalizado. No momento, o Brasil tem três representantes entre os cinco melhores atletas da modalidade. Ítalo Ferreira é o líder, seguído de Gabriel Medina. Filipe Toledo está em quarto.

+

Surfe