Agora efetivado, Márcio Coelho agradece chance como treinador do Figueirense

Márcio Coelho foi efetivado, na última quarta-feira (11), como treinador do Figueirense para a temporada de 2020. Porém, esta confirmação está longe de ser o começo da história do profissional no Furacão.

Márcio Coelho assume felicidade ao ser efetivado como treinador do Furacão do Estreito – Foto: Matheus Dias/FFC

No clube desde 2011, o atual treinador acumula conquistas nas categorias de base e grande identificação com o alvinegro.

Integrante da comissão permanente desde 2017, o profissional concedeu entrevista à Rádio Figueira, projetou a próxima temporada e agradeceu à chance de assumir o comando técnico do time em um momento de reconstrução.

“Fico muito feliz com a confiança depositada, em um momento de reestruturação, classificada como uma retomada alvinegra. Fazer parte desse processo atuando como treinador me deixa com muita alegria”, afirmou.

Leia também: 

A curta pré-temporada que o ano de 2020 reserva, principalmente aos clubes das Séries A e B do Campeonato Brasileiro, precisa ser muito bem planejada e executada pelo departamento de futebol do Figueirense, para que o time fique em condições de lutar pelos objetivos ao longo das competições.

Márcio destacou a importância do período para a preparação do elenco no próximo ano.

“É importante iniciar o trabalho de uma boa forma. É claro que não é a preparação ideal, mas vamos ter pelo menos duas semanas de pré-temporada propriamente dita, que não termina com o primeiro jogo”, destacou.

Além disso, em período de reformulação do elenco, o treinador também afirmou que segue conversando com os membros da comissão técnica e com Fernandes, gerente de futebol do Figueirense.

“Ficamos em contato com o presidente para alinharmos a situação financeira, pois temos que nos adequar à realidade do Figueirense, que tem sido uma dificuldade”, completou.

Mais conteúdo sobre

Futebol