Ainda no aguardo de reforços, Geninho ganha “peças” para conquistar a primeira vitória

Atualizado

Gabriel Lima e Caio Paulista, em treinamento do Avaí – André Palma Ribeiro/Avaí FC/divulgação

Os reforços estão em casa. Passadas cinco rodadas da Série A o Avaí ainda engatinha na tabela de classificação. O técnico Geninho, por inúmeras vezes, admitiu a necessidade de encorpar o elenco e, essa semana, que marca a preparação para o jogo contra o Ceará, o comandante azurra conta com peças que estavam no elenco e, no seu entendimento, trouxeram uma resposta satisfatória. O Avaí recebe o Vozão na outra segunda-feira, às 20h, no fechamento da sexta rodada da competição.

A semana às vésperas da sexta volta do campeonato brasileiro começou melhor que o término da preparação para o duelo contra o Vasco, empate em 1 a 1, em São Januário. Além da boa postura da equipe diante de um adversário “pesado”, o jogo do domingo trouxe algumas surpresas oriundas justamente das trocas do técnico. O jovem Caio Paulista, 21, que em alguns momentos nem fora relacionado na temporada entrou como titular e teve um desempenho satisfatório. Enquanto teve gás, criou grandes transtornos para a defesa do adversário e só não marcou um gol, porque parou em uma noite inspirada do goleiro Sidão.

Geninho, ao conceder entrevista, elogiou o atleta e admitiu ganhar “mais uma peça” para o setor mais carente do elenco. “O professor me deu os parabéns, o auxiliar Evando também me disse que fui muito bem”, revelou, ainda tímido, em entrevista coletiva concedida nesta terça-feira (21), data da reapresentação do elenco azurra no Sul da Ilha.

Em 2019, entre Copa do Brasil, Série A e o campeonato Catarinense, o atleta, que é oriundo da base azurra, disputou nove jogos e deu duas assistências. Contabiliza ainda um cartão amarelo. Esse momento de “estreia” foi descrito como especial pelo jovem atacante. “Teve aquele frio na barriga normal, mas depois que a bola rolou o foco foi em fazer o melhor para a equipe. Todo o atleta tem o sonho de chegar ao profissional e ter a chance de disputar uma Série A e consegui tudo isso aqui no Avaí. É bom demais ter a confiança do treinador e espero corresponder a expectativa para ajudar a equipe ainda mais”, acrescentou.

Douglas pode “estrear”

Com menos de 20 minutos com a camiseta do Avaí, Douglas saiu da transição e deve ser relacionado para o duelo contra o Ceará. O jogador teve um problema na coxa no clássico contra o Figueirense, em 17 de março de 2019, em jogo válido pelo estadual. O jogador entrou na vaga do meia Marquinhos Santos que fez sua despedida do futebol.

Entre as ausências o técnico Geninho não poderá contar com o volante Luanderson e o atacante Brizuela. O capitão Betão, suspenso pelo terceiro cartão amarelo, também está fora.

Mais conteúdo sobre

Futebol