Conteúdo por Gazeta Esportiva

Após disputa tensa, Seleção de ginástica está próxima de vaga para Tóquio

Após falhas na primeira rotação, a Seleção Brasileira de Ginástica Artística conseguiu fazer uma competição de recuperação e fechar o qualificatório por esquipes do Campeonato Mundial de Stuttgart em terceiro lugar, com 247,236 pontos. Mais 13 equipes se apresentam nesta segunda, de manhã até à tarde, mas os brasileiros não devem ser ultrapassados por muitos países e, portanto, devem permanecer para a zona de classificação para a Olimpíada de 2020.

Em Stuttgart, Seleção masculina tem boa performance e aguarda definição da classificação para Tóquio nesta segunda (Foto: Ricardo Bufolin/Panamerica Press/CBG)

Como a vaga olímpica pode sair até para quem ficar entre os 12 primeiros, desde que China, Rússia e Japão (já classificados em 2018) estejam entre eles, é possível projetar uma classificação do Brasil para a disputa de Tóquio, no ano que vem. Vale lembrar que a Seleção feminina não conseguiu a classificação por equipe para a Olimpíada.

Após uma performance complicada na barra fixa, o primeiro aparelho, com nota 39,166, a Seleção conseguiu se recuperar nos demais aparelhos, com destaque para o salto, com a melhor nota da prova (43,341). Seguem as demais notas: cavalo com alças (39,432), argolas (41,699), paralelas (41,699)  e solo (41,899). Além de ficar próximo de garantir a classificação olímpica, o Brasil ainda pode conquistar vaga em quatro finais.

Arthur Nory, que pode ir para a final da barra fixa, foi uma competição muito tensa. “Nós sabemos o quanto batalhamos para chegar até aqui. A equipe conseguir se reerguer depois de não ter um bom desempenho na barra fixa, que é um dos nossos melhores aparelhos. Foi o momento de um puxar o outro durante a prova, todos torcendo muito em cada parelho”, iniciou.

” Fomos buscando os décimos necessários, é assim que funciona um trabalho em equipe. Agora é esperar para comemorar o nosso objetivo segunda. Sabemos que nossa pontuação foi  boa, mas temos que esperar o resultado das próximas equipes”, concluiu.

Programação do Brasil no Mundial de Ginástica Artística

9/10 (Quarta-feira)

8h45 – Final por equipes masculino

10/10 (Quinta-feira)

11h – Final Individual Geral feminino

11/10 (Sexta-feira)

11h – Final Individual Geral masculino

12/10 (Sábado)

11h – Finais por aparelho: solo, cavalo com alças e argolas masculino; salto e assimétricas feminino

13/10 (Domingo)

8h – Finais por aparelho: salto, paralelas e barra fixa masculino; trave e solo feminino

Mais Esportes