Conteúdo por Gazeta Esportiva

Após ultrapassagem polêmica, Leclerc contesta vitória de Verstappen

Atualizado

Na manhã deste domingo, o Grande Prêmio da Áustria de Fórmula 1 teve uma pitada de polêmica. Isso porque, na reta final, Max Verstappen acabou por tocar em Charles Leclerc no momento da ultrapassagem que rendeu a vitória ao holandês da Red Bull.

Após a prova, o monegasco da Ferrari não escondeu a sua insatisfação, e mostrou que ainda espera por uma posição da direção da prova a respeito do incidente.

“Vou deixar os administradores decidirem, mas para mim no carro ficou bem claro. Não sei como pareceu vendo de fora, mas vamos ver”, disse à Sky Sports.

Charles Leclerc ainda explicou mais detalhadamente como foi o incidente em seu ponto de vista, se mostrando um tanto irritado.

“Eu estava do lado de fora, assim como na volta anterior. Tudo bem porque ele deixou o espaço para a saída na esquina, mas ele não o fez na próxima volta, então nos tocamos e eu tive que ir longe. Portanto, obviamente eu não tive outra chance de ultrapassá-lo, então é uma vergonha”, afirmou.

Por fim, Leclerc avaliou positivamente a prova que fez neste domingo, e admitiu uma melhor condição do carro de Verstappen.

“No geral a corrida foi boa, no final eu tive uma desgaste um pouco maior do que eu pensava, então Max conseguiu se recuperar”, completou.

A Fórmula 1 retorna em duas semanas, no dia 14/07, para o Grande Prêmio da Grã-Bretanha, no tradicional Circuito de Silverstone.

Mais conteúdo sobre

Mais Esportes