Conteúdo por Gazeta Esportiva

Árbitro brasileiro apitará segunda semifinal entre Boca Juniors e River Plate

A segunda semifinal da Libertadores entre River Plate e Boca Juniors terá um toque brasileiro. A Conmebol designou, nesta sexta-feira, o árbitro Wilton Pereira Sampaio para apitar o clássico argentino, que acontecerá no dia 22, às 21h30, na Bombonera.

O juiz goiano será auxiliado pelos também brasileiros Fabrício Vilarinho e Rodrigo Correa, ambos de Goiás. No momento, Wilton Pereira Sampaio é um dos principais árbitros do país, integrado ao quadro Fifa. O profissional esteve no comando da partida entre Flamengo e Atlético-MG, pelo Campeonato Brasileiro, na última quinta-feira.

Wilton Pereira tem parada dura na Libertadores (Foto: Fernando Dantas/Gazeta Press)

O árbitro do primeiro confronto entre River Plate e Boca Juniors também foi brasileiro. Raphael Claus foi o responsável por apitar a vitória de 2 a 0 dos Millionarios, no Monumental de Nuñez. O juiz gaúcho teve uma noite movimentada, tendo que consultar o VAR em duas oportunidades. Primeiro, o árbitro de vídeo auxiliou a marcação do pênalti que originou o gol de pênalti de Borré e, no fim do jogo, indicou a expulsão de Capaldo, do Boca, após entrada dura do meio-campista.

Depois de uma partida avassaladora do River Plate, que poderia ter terminado com um placar ainda mais elástico para os mandantes, o Boca Juniors terá a dura missão de reverter a vantagem jogando em casa. Quem avançar à grande decisão enfrentará o vencedor do confronto entre Flamengo e Grêmio, que acontecerá no dia 23, às 21h30, no Maracanã. A primeira partida entre os brasileiros terminou empatada em 1 a 1.

Mais Esportes