Conteúdo por Gazeta Esportiva

Arthur e Allan já jogaram juntos, mas por menos de um tempo; relembre

A dupla de volantes da Seleção Brasileira nessa quinta-feira, às 21h30 (de Brasília), contra o Paraguai, será Allan e Arthur. Com a suspensão de Casemiro e o fato de Fernandinho não estar 100%, o técnico Tite optou por uma dupla que até se conhece, mas carece de entrosamento.

Allan e Arthur já jogaram juntos em duas oportunidades: contra a República Tcheca, em amistoso no dia 26 de março, e no último sábado, diante do Peru, pela terceira e última rodada da primeira fase da Copa América.

Em ambos os casos, o Brasil venceu seus compromissos. Fez 3 a 1 nos tchecos e 5 a 0 nos peruanos. A dupla escolhida para as quartas de final, porém, nunca iniciou um jogo e tem menos de um tempo como experiência.

Frente a República Tcheca, Allan foi titular e Arthur entrou aos 26 minutos do segundo tempo no lugar de Casemiro. Contra o Peru, Arthur foi titular e Allan substituiu Casemiro aos 25 da etapa final. Ou seja, são 39 minutos de parceria, sem contar os acréscimos.

Sem tempo para reclamar, Tite fez questão de encher Allan de confiança para uma função mais posicional, à frente da zaga, diferente do que vinha fazendo no Napoli, mas bem semelhante a temporadas anteriores no mesmo clube italiano. Arthur não será deslocado e continuará como segundo homem do meio-campo.

Copa América