Conteúdo por Gazeta Esportiva

Autor de gol na final da Copa de 86, zagueiro argentino Tata Brown morre aos 62 anos

José Luis “Tata” Brown, um dos defensores mais importantes da história do futebol argentino, faleceu nesta segunda-feira. O ex-jogador tinha 62 anos e sofria do Mal de Alzheimer. O futebolista ficou conhecido pelo gol marcado na final da Copa do Mundo de 1986, na vitória de 3 a 2 sobre a Alemanha, que deu o título à seleção albiceleste.

O gol marcado por Brown na final do Mundial foi o único tento do zagueiros nas 36 partidas que disputou pela seleção. O defensor abriu o placar da partida, que terminou com a Argentina comemorando seu segundo título na Copa do Mundo. Na decisão, o jogador atuou parte do jogo com uma luxação no ombro, tendo que improvisar uma imobilização com um buraco na camisa.

Como jogador, tornou-se ídolo do Estudiantes, tendo conquistado dois títulos nacionais. Depois, teve passagens por Boca Juniors, Racing, Atlético Nacional, da Colômbia, Real Murcia, da Espanha, e Brest, da França. Brown teve também uma breve carreira como treinador, comandando equipes de menor porte da Argentina e no Blooming, da Bolívia. Além disso, era um dos euxiliares técnicos da seleção argentina campeã olímpica em Pequim, no ano de 2008.

Futebol