Conteúdo por Gazeta Esportiva

Basquete cresce no Brasil e número de fãs atinge nível histórico

O basquete é um esporte que vem ocupando mais espaço no coração do brasileiro, ano após ano. Prova disso é que, de acordo com a pesquisa Ranking dos Esportes do IBOPE Repucom, a modalidade já é responsável por 365 horas de transmissão, em TV aberta e fechada (de janeiro a maio de 2019), e ocupa a terceira posição entre os esportes com mais espaço na televisão.

Na somatória de 2015 a 2019, o esporte aparece como o quarto com maior volume de horas em TV. E boa parte disso decorre da audiência da temporada da NBA. Recentemente, o Toronto Raptors conquistou o título histórico da liga norte-americana vencendo o Golden State Warriors em seis jogos.

Longe da TV aberta desde 2000, a transmissão da final da NBA 2019, na última quinta-feira, foi comentada por mais de 32 mil pessoas e gerou 11,8 milhões de impressões no Twitter, segundo o Kantar Social TV Ratings, ferramenta da Kantar IBOPE Media que afere o engajamento em Social TV. A principal reação nos posts relacionados à transmissão da partida foi a Admiração.

Outro levantamento do IBOPE Repucom, o Sponsorlink, indica que desde 2018, os fãs do esporte (que se dizem interessados e muito interessados) se mantém em 42%, o equivalente a 40 milhões de internautas brasileiros com 18 anos ou mais em todo o país. Este resultado é o mais alto da série histórica (desde 2013), superado apenas pela onda de setembro de 2016, ocorrida logo depois da realização dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro.

Mais conteúdo sobre

Mais Esportes