Bia Haddad Maia vence argentina e avança à segunda rodada do quali de Wimbledon

Atualizado

Depois de o tênis brasileiro se dar bem no início do qualifying de Wimbledon com as vitórias de Thiago Monteiro e Rogério Dutra Silva, foi a vez de Bia Haddad Maia manter o país com 100% de aproveitamento na luta por uma vaga na chave principal do terceiro Grand Slam da temporada. Nesta terça-feira (25), em sua estreia, a paulista derrotou de virada a argentina Paula Ormaechea por 2 sets a 1 – com parciais de 6/7 (4/7), 6/4 e 6/2, após duas horas e 22 minutos.

Bia Haddad Maia precisa de mais duas vitórias no qualifying para ingressar na chave principal de Wimbledon – Instagram/reprodução/ND

Designada como cabeça de chave 17 do qualifying, Bia Haddad precisa de três vitórias para ingressar na chave principal de Wimbledon, torneio que já disputou em 2017. Foi em Londres, há dois anos, que a tenista brasileira, atual número 121 do mundo, conquistou a sua primeira vitória em Grand Slam na carreira profissional.

Pela segunda rodada do qualifying, Bia Haddad terá pela frente a alemã Anna Zaja, atual 201.ª colocada do ranking da WTA, que nesta terça-feira derrotou a francesa Myrtille Georges, número 239 do mundo, por 2 sets a 1 – com parciais de 7/6 (7/5), 6/7 (3/7) e 6/3. Será a segunda vez que a brasileira enfrentará a rival, que levou a melhor no outro embate entre elas no quali do Torneio de Stuttgart, na Alemanha, em 2017.

Contra Ormaechea, 183.ª do ranking, a brasileira fez uma partida equilibrada até o início do terceiro e decisivo set. Na primeira parcial, ninguém obteve quebra de saque e a argentina se deu melhor no tie-break. Na segunda, foi a vez de Bia Haddad mostrar mais força no 10.º game para ganhar no serviço da rival e empatar a partida.

No terceiro set, a tenista do Brasil conseguiu duas quebras de saque seguidas e abriu 5 a 1. Teve a chance de fechar o jogo no seu serviço, mas permitiu a reação da argentina, que devolveu uma quebra e diminuiu para 5 a 2. No game seguinte, Bia Haddad se recuperou e fechou o duelo em 6/2.

Na temporada de grama, Bia Haddad vem de uma ótima campanha na semana passada, no ITF de Ilkley, na Inglaterra. Após chegar às quartas de final na chave de simples, ela foi campeã de duplas ao lado da também brasileira Luisa Stefani.

Tênis