Conteúdo por Gazeta Esportiva

Botafogo não descarta volta de Marcos Vinicius

Marcus Vinicius está emprestado para a Chapecoense até o fim do ano (Foto: Vítor Silva/Botafogo)

A diretoria do Botafogo vai decidir nos próximos dias se aceita a solicitação da Chapecoense para devolver o meia Marcos Vinicius. O jogador está cedido ao clube catarinense até o fim do ano, porém, não vem tendo um desempenho positivo. O jogador foi emprestado no começo da temporada e atuou apenas alguns minutos durante um embate com o Figueirense pelo Campeonato Estadual.

Marcos Vinicius, de 24 anos, foi contratado pelo Botafogo em uma negociação que envolveu a ida do atacante Sassá para o Cruzeiro. Porém, ele nunca conseguiu render no clube carioca o que era esperado. Além disso, enfrentou uma série de problemas de lesões.

Apesar deste histórico, Marcos Vinicius é visto como um jogador que pode acrescentar na criação de jogadas do time, um dos defeitos do time de Eduardo Barroca. Por sinal, o treinador terá peso importante neste questão.

Além disso, o Botafogo deve perder dois apoiadores neste mês. Gustavo Ferrareis está em tratativas para rescindir seu contrato. Além disso, o chileno Leonardo Valencia está na mira de clubes de seu país e o Botafogo não parece disposto a atrapalhar a saída.

Dentro de campo o elenco do Botafogo ganhou alguns dias de folga após a derrota de 1 a 0 para o Grêmio, que fez o time estacionar nos 15 pontos e ficar de fora do G-6, a zona de classificação para a Copa Libertadores. Porém, a data que vai marcar o retorno dos atletas vai variar de jogador para jogador. Isso por que, disposto a tornar o elenco mais homogêneo fisicamente, o clube preparou um modelo de ajuste das condições físicas do grupo.

Pelo planejamento, os jogadores que estiverem bem fisicamente, sem apresentarem grande risco de lesão e que fisicamente não apresentam problemas retornarão apenas em 24 de junho. Porém, atletas desgastados ou que estejam apresentando algum quadro de problema clínico retornarão antes, em escala que varia de jogador a jogador. Porém, os nomes não deverão ser anunciados para a imprensa.

Futebol