Conteúdo por Gazeta Esportiva

Botafogo vê situação se complicar na reta final do Brasileiro

Foto: Vitor Silva/Botafogo.

O Botafogo não consegue reagir da má fase que abateu a equipe neste segundo turno do Campeonato Brasileiro. A goleada sofrida pelo Alvinegro neste domingo diante do Santos, na Vila Belmiro, foi a nona derrota em 11 rodadas. A equipe, que no turno chegou a flertar com a possibilidade de uma vaga na Libertadores, agora está somente dois pontos na frente do Fluminense, primeira equipe dentro da zona do rebaixamento.

Na saída do campo em Santos, o zagueiro Gabriel tentou explicar o placar de 4 a 1 favorável ao Peixe. “Difícil começar o jogo dessa forma. Com 10 minutos tomamos dois gols. Santos muito forte aqui dentro. Não adianta dar discurso. Tem de trabalhar. A culpa é de todos. Não tem muito o que falar. Tem de colocar a bunda no chão e trabalhar,” pregou o defensor.

Após a derrota fora de casa diante do Peixe, o Fogão encara o líder Flamengo na próxima quinta-feira, no Engenhão. “Temos clássico contra o líder. Vamos trabalhar muito. Esse é o Brasileiro. Todo jogo é difícil. Temos de trabalhar. Flamengo é o líder, mas vamos dificultar para eles e trabalharemos para fazer um bom jogo,” projetou Gabriel.

A situação do Botafogo na competição pode ficar dramática ao longo do mês de novembro, já que a equipe terá uma sequência de jogos contra adversários que estão na parte de cima da tabela, e não terá a oportunidade de enfrentar nenhum de seus concorrentes na luta contra a degola. Após o clássico do meio da semana, na segunda, dia 11/11, também em casa, a equipe de Alberto Valentim não pode deixar escapar a chance de vitória contra o lanterna e virtualmente rebaixado Avaí.

Depois disso serão mais duas pedreiras pela frente: Athletico-PR, fora de casa, no dia 17 e Corinthians, no Engenhão, no dia 24. Na última semana de novembro, o Botafogo visita a vice-lanterna mas sempre complicada Chapecoense na Arena Condá e recebe o Internacional.

Para complicar mais as coisas para o Alvinegro, o goleiro Gatito Fernández foi convocado para os amistosos da seleção do Paraguai contra Bulgária, no dia 14, e Arábia Saudita, no dia 19, e será desfalque certo nos duelos contra o Avaí e o Athletico-PR.

Com 33 pontos em 30 rodadas, mesma pontuação de Ceará e Cruzeiro, o Botafogo ocupa a 14ª colocação na tabela.

Futebol