Conteúdo por Gazeta Esportiva

Botafogo vence Avaí e deixa a zona de rebaixamento do Brasileirão

O Botafogo fez o dever de casa e derrotou por 2 a 0 o Avaí, nesta segunda-feira, no Nilton Santos. Com o resultado, os alvinegros chegaram a 36 pontos e deixaram a zona de rebaixamento. Já os catarinenses, com 17, seguem na lanterna.

O Botafogo dominou o primeiro tempo e abriu o placar no início, após gol contra de Ricardo. No segundo tempo, o Avaí foi melhor, mas parou nas boas defesas de Gatito Fernández. Os alvinegros aproveitaram os espaços e chegaram ao segundo gol no fim, com Diego Souza.

(Foto: Vitor Silva/Botafogo)

Na próxima rodada, o Botafogo enfrenta o Athletico-PR, no domingo, em Curitiba. No dia seguinte, o Avaí terá novo compromisso fora de casa, contra o Cruzeiro, em Belo Horizonte.

O jogo – O Botafogo começou a partida tentando pressionar a saída de bola do Avaí, mas tinha pouca objetividade no ataque. Mesmo assim, os alvinegros abriram o placar aos 12 minutos. Igor Cássio foi lançado na área, mas viu Ricardo tentar fazer o corte de cabeça e acabar mandando para a rede, encobrindo o goleiro Vladimir.

Mesmo depois do gol, o Botafogo manteve a marcação por pressão no Avaí, que tentava chegar ao ataque com mais intensidade. Os catarinense eram parados com falta, mas não aproveitavam a bola parada. Com espaço, os donos da casa quase ampliaram aos 31 minutos. Igor Cássio foi lançado e chutou colocado da entrada da área, mas viu Vladimir se esticar para fazer boa defesa.

O Avaí só conseguiu chegar com perigo pela primeira vez na partida aos 33 minutos. Igor Fernandes pegou rebote na área, mas chutou sobre o travessão.

Na parte final, o jogo ganhou em emoção. Primeiro, o Botafogo desperdiçou chance incrível com Rhuan. Em seguida, o Avaí respondeu com Jonathan. Antes do intervalo, cada equipe ainda criou mais uma boa chance, mas sem sucesso.

No segundo tempo, o Avaí quase empatou com menos de um minuto. Caio Paulista fez boa jogada e chutou para defesa de Gatito Fernández, que deu rebote. O atacante catarinense ficou com a bola, mas foi bloqueado por Joel Carli no momento da segunda finalização.

O Botafogo recuou e passou a ter dificuldade em avançar. Com isso, o Avaí cresceu na partida e obrigou Gatito Fernández a fazer mais uma defesa em chute de Jonathan. Depois, foi a vez de Luanderson aproveitar escanteio e cabecear em cima do goleiro alvinegro.

Os donos da casa só conseguiram chegar com perigo aos 35 minutos. Após toque de Leo Valencia, Cícero chutou da entrada da área, em cima de Vladimir. Só que aos 42 minutos, o Botafogo sacramentou a vitória no Nilton Santos. Lucas Campos foi derrubado na área e o árbitro marcou pênalti. Diego Souza cobrou categoria, sem chance para Vladimir.

Nos minutos finais, os cariocas apenas administraram o resultado para garantir os três pontos que tiram o Botafogo da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro.

FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO 2 X 0 AVAÍ

Local: Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro (RJ)

Data: 11 de novembro de 2019, segunda-feira

Hora: 20h (de Brasília)

Árbitro: Savio Pereira Sampaio (DF)

Assistentes: Daniel Henrique da Silva Andrade (DF) e Jose Reinaldo Nascimento Junior (DF)

VAR: Jose Claudio Rocha Filho (SP)

Renda: R$ 242.246,00

Público: 17.803 pagantes

Cartões amarelos: Gabriel, Diego Souza, Lucas Campos e Yuri (Botafogo); Luanderson e Caio Paulista (Avaí)

Cartão vermelho: João Paulo (Avaí)

GOLS

BOTAFOGO: Ricardo (contra), aos 12min do primeiro tempo; Diego Souza, aos 42min do segundo tempo

BOTAFOGO: Gatito Fernández, Rickson, Joel Carli, Gabriel e Yuri; Cícero (Jean), João Paulo, Alex Santana (Diego Souza) e Leo Valencia; Rhuan (Lucas Campos) e Igor Cássio

Técnico: Alberto Valentim

AVAÍ: Vladimir, Ricardo (Gabriel Lima), Kunde, Betão (Wesley) e Igor Fernandes; Luanderson, Pedro Castro, e João Paulo; Caio Paulista, Jonathan e Vinícius Araújo

Técnico: Evando Camillato

Mais Esportes