Brasil bate a Coreia e encerra jejum de vitórias pós Copa América

Atualizado

Depois de cinco jogos, a equipe de Tite finalmente conseguiu uma vitória desde a conquista da Copa América. O Brasil superou a Coreia do Sul por 3 a 0, nesta terça-feira (19), em Abu Dhabi.

Além de acabar com o jejum de bons resultados, a seleção fez um gol de falta após cinco anos. Philippe Coutinho foi o autor. Além dele, Lucas Paquetá e Danilo completaram o placar.

Após cinco anos o Brasil voltou a marcar um gol de falta, com Coutinho – Foto: Pedro Martins / MoWA Press

Brasil com cinco mudanças

Tite entrou em campo com cinco substituições em relação ao jogo contra a Argentina. As novidades foram Marquinhos entrou na zaga e Thiago Silva saiu; Renan Lodi, na lateral-esquerda no lugar de Alex Sandro; Fabinho, no meio substituiu Casemiro; William foi trocado por Philippe Coutinho; e Richarlison entrou no ataque em vez de Roberto Firmino.

O Brasil já começou o jogo no ataque e antes mesmo dos dez minutos a tática deu resultado. Philippe Coutinho fez boa jogada, tocou para Renan Lodi, que cruzou para Lucas Paquetá cabecear para dentro do gol coreano.

O meia do Milan comemorou o gol e fez homenagem o filho que a mulher, Duda, está esperando.

A Coreia não se encolheu após sofrer o gol. As melhores oportunidades surgiram dos pés do meia-atacante do Tottenham (ING), Son Heung-Min. Aos 14 minutos, ele tentou de pé esquerdo e Alisson se esticou para defender.

Aos 21, acertou um belo chute de longe, que passou pertinho do gol brasileiro.

Finalmente um gol de falta

Com boas jogadas pelo lado esquerdo de Coutinho e Renan Lodi, a seleção chegou com frequência ao campo de ataque da Coreia. Aos 33 minutos, Fabinho sofreu uma falta na entrada da área. Phelippe Coutinho cobrou com perfeição e aumentou a diferença no placar.

O Brasil não fazia de falta há cinco anos. Foram 72 partidas, o último gol foi de Neymar, em setembro de 2014, na vitória sobre a Colômbia, por 1 a 0.

Coutinho quase fez contra. Jung bateu, Alisson deu rebote e Philippe acertou a trave ao afastar a bola.

Segundo tempo

A Coreia voltou do intervalo e chegou a pressionar o time do Brasil pelo menos até os dez minutos da etapa, quando o time de Tite retomou o controle do jogo.

Aos 14 minutos, saiu o terceiro gol. Coutinho passou para Richarlison, que devolveu para Lodi, que cruzou rasteiro para Danilo acertar de fora da área. O goleiro Jo Hyeon-Woo poderia ter defendido, chegou a desviar a bola, mas não conseguiu.

Foi o primeiro gol da carreira do lateral-direito com a camisa da seleção brasileira.

Richarlison poderia ter feito o quarto. O atacante do Everton recebeu lançamento de Danilo, matou no peito e chutou para fora.

Gabriel Jesus recebeu de Coutinho e chutou, mas a bola bateu da rede do lado de fora.

Reação coreana

A Coreia não se entregou, mesmo com três gols tentou uma reação. Aos 27 minutos, Su roubou bola de Paquetá e chutou, Alisson ficou com a bola.

Três minutos depois, Son avançou pela esquerda e finalizou. O goleirão do Brasil espalmou para a linha de fundo.

Próximos passos

A seleção volta a campo somente em março do ano que vem, quando começam as Eliminatórias da Copa do Mundo 2022. O sorteio dos jogos acontecerá no próximo mês.

Mais conteúdo sobre

Futebol