Conteúdo por Gazeta Esportiva

Brasil classifica duas duplas às quartas de final em Gstaad

Duda em ação no Major Series de Gstaad, na Suíça (Foto: Divulgação/FIVB)

Ágatha e Duda perdem no desempate

Ágatha e Duda, que haviam saído em primeiro lugar na chave, não precisaram disputar a repescagem. Nas oitavas, porém, acabaram superadas pelas eslovacas Dubovcova/Strbova de virada: 2 sets a 1 (16/21, 21/19, 15/11). Elas também recebem 450 pontos na corrida olímpica brasileira, 600 pontos no ranking mundial, além de prêmio de R$ 30 mil.

A competição em Gstaad rende cerca de R$ 150 mil para os campeões dos naipes masculino e feminino. Ao todo, o torneio distribui cerca de R$ 2,3 milhões em premiação aos atletas, além de oferecer pontuação alta para o ranking internacional – 1.200 para os times vencedores.

Para a corrida olímpica brasileira, disputa interna entre duplas nacionais que tentam representar o Brasil nos Jogos de Tóquio, o título em Gstaad rende 900 pontos, reduzindo 90 pontos para cada posição abaixo (veja quadro em anexo).

Mais Esportes