Conteúdo por Gazeta Esportiva

Brasil enfrenta Argentina para manter 100% no Sul-Americano de vôlei

A Seleção Brasileira garantiu o segundo resultado positivo no Campeonato Sul-Americano masculino de vôlei ao vencer os colombianos na noite da última quarta-feira, no Chile, por 3 sets a 0. O líbero Maique fez uma breve análise do duelo e do adversário.

“Todo jogo é importante e hoje conseguimos impor nosso ritmo e soubemos lidar com as dificuldades em alguns momentos, principalmente nos inícios de sets, quando o placar ficava mais equilibrado. Por mais que a Colômbia não jogue no mesmo nível dos grandes adversários que enfrentamos, eles fizeram uma boa partida”, analisou.

Seleção masculina vem de vitórias sobre Equador e Colômbia (Foto: Divulgação/CBV)

A equipe comandada por Renan Dal Zotto, que derrotou o Equador na estreia, precisou de apenas uma hora para fechar o confronto contra os colombianos, na cidade de Temuco, sul do Chile.

Dominante no continente, o Brasil venceu os 31 sul-americanos que disputou e segue em busca de mais um troféu continental. A seleção agora terá pela frente a Argentina para fechar os compromissos do grupo A, nesta quinta-feira, às 15h (de Brasília). Na outra chave, Chile, Venezuela, Peru e Bolívia disputam as outras duas vagas para as semifinais.

Depois do Sul-Americano, a equipe verde e amarela ainda terá a Copa do Mundo como último compromisso da temporada 2019. A competição será de 30 de setembro a 15 de outubro, no Japão.

TABELA:

Seleção masculina

10.09 (TERÇA-FEIRA) – Brasil 3 x 0 Equador (25/10, 25/16 e 25/14)

11.09 (QUARTA-FEIRA) – Brasil 3 x 0 Colômbia (25/15, 25/10 e 25/17)

12.09 (QUINTA-FEIRA) – Brasil x Argentina, às 15h (Horário de Brasília)

Mais conteúdo sobre

Vôlei