Conteúdo por Gazeta Esportiva

Catar aprova lições, mas não desiste e sonha com vaga contra Argentina

Atualizado

Na noite desta quarta-feira, o Catar foi derrotado por 1 a 0 pela Colômbia na segunda rodada do Grupo B na Copa América. A equipe comandada por Félix Sánchez sofreu o gol do revés praticamente no final do jogo, aos 40 minutos, quando o atacante colombiano Duván Zapata cabeceou para o fundo das redes. Apesar do resultado, o técnico espanhol elogiou o comportamento da seleção.

“Parabenizar nossos jogadores pelo esforço que foi feito. Sabíamos a dificuldade que teríamos no jogo e obviamente a Colômbia teve mais posse da bola. Pensamos num jogo apertado, mas foi um trabalho muito sério defensivo até o final. Infelizmente acabou saindo o gol, uma pena esse o resultado, porém vamos nos preparar para o próximo jogo”, disse.

O treinador também comentou sobre a escolha de começar com três zagueiros. “Achávamos que por causa do adversário, uma defesa de três zagueiros nos faria mais fortes e que isso ajudaria na saída de bola, mas não aconteceu. Para nós é uma experiência para continuar crescendo para enfrentar times desse nível”, comentou.

“O resultado nos dá a sensação que com mais trabalho podemos conseguir resultados melhores para nosso país. Jogos como esse podemos nos preparar para a Copa do Mundo”, completou Felix.

Com um ponto somado, o Catar ainda sonha com uma classificação às quartas da competição continental. Mas para isso, a seleção precisa vencer a Argentina. O técnico Sánchez projetou o duelo e segue confiante.

“Será muito difícil, como o de hoje, mas não podemos esquecer que chegaremos com uma situação de poder passar de fase. É uma situação muito boa. Vamos tentar preparar bom jogo, competir bem e vamos ver o que acontece”, concluiu Felix Sánchez.

Copa América