Chapecoense inicia conversas com Cruzeiro por Renato Kayzer

Atualizado

Apesar de ter um dos artilheiros do Campeonato Brasileiro – Everaldo, com três gols -, a Chapecoense segue em busca de reforços para a sequência da temporada. Um nome que entrou em pauta foi o de Renato Kayzer, que pertence ao Cruzeiro e estava na Ponte Preta.

Renato Kayser pediu para deixar a Ponte Preta e pode desembarcar em Chapecó – Vinnícius Silva/Cruzeiro

O atacante de 23 anos surpreendeu na última terça-feira ao pedir para deixar o clube campineiro após ter feito apenas dois jogos. Renato Kayzer não teria se adaptado e estaria insatisfeito. A Ponte não se opôs e a rescisão do empréstimo está sendo acertada.

Revelado no Santos, Renato Kayzer tem passagens por Vasco, Oeste, Portuguesa, Villa Nova, Ferroviária, Tupi e Cruzeiro. Seu melhor momento foi no ano passado, quando defendeu o Atlético-GO na Série B do Campeonato Brasileiro e marcou sete gols em 33 jogos.

A diretoria também espera decidir nos próximos dias o futuro de Júlio César, que, assim como Renato Kayzer, pediu para deixar a Ponte Preta se dizendo insatisfeito. O atacante tem contrato com a Chapecoense, que está no aguardo de propostas.

Na manhã desta quarta-feira, o clube anunciou a demissão do ídolo e ex-goleiro Nivaldo, que vinha atuando como dirigente desde o fim de 2016, quando pendurou as chuteiras. Como jogador, foram 298 partidas pela Chapecoense. Ele fez parte do elenco declarado campeão da Copa Sul-Americana de 2016 após a tragédia envolvendo o avião que seguia com a delegação para a final em Medellín.

Com quatro pontos, a Chapecoense está na décima colocação do Brasileirão e volta a campo neste domingo, contra o Flamengo, no Maracanã, pela quarta rodada.

Futebol