Chapecoense pode tirar goleiro Anderson, ex-Palmeiras, do Santa Cruz-PE

A Chapecoense pode “roubar” o goleiro Anderson do time titular do Santa Cruz. O jogador é o principal destaque neste primeiro semestre do time pernambucano e entrou no radar do clube catarinense, que está buscando um jogador para a posição desde a lesão de Vagner. Por enquanto não há proposta oficial, mas a diretoria já consultou o Palmeiras, que detém os direitos econômicos do goleiro, e está confiante em um desfecho positivo.

Chapecoense tem interesse na contratação de Anderson, goleiro do Santa Cruz (PE) – Santa Cruz/ Divulgação

Anderson tem apenas 21 anos e é formado nas categorias de base do Palmeiras. Ele foi emprestado ao Santa Cruz no fim de 2018 para ganhar experiência e chegou ao clube como reserva. Depois de uma lesão do titular Ricardo Ernesto, ele entrou em campo e convenceu a comissão técnica a mantê-lo no time. São 18 jogos e 18 gols sofridos.

Ganhou destaque nas quartas de final da Copa do Nordeste ao defender o pênalti decisivo que garantiu a classificação sobre o CRB. Depois, contra o Fluminense, na quarta fase da Copa do Brasil, voltou a defender uma cobrança, embora não tenha evitado a eliminação. Ainda assim, caiu nas graças da torcida, conquistando a titularidade para a Série C do Campeonato Brasileiro.

O contrato de empréstimo de Anderson com o Santa Cruz é até o final da temporada, mas a Chapecoense quer usar a boa relação com o Palmeiras para que o goleiro seja repassado ao clube de Chapecó. Os paulistas também veem com bons olhos a troca de clube, porque o jovem sairia da Série C para atuar na Série A.

Após perder para o Corinthians, por 1 a 0, a Chapecoense volta a campo neste domingo (5), às 11h, diante do Athletico Paranaense, na Arena Condá, pela terceira rodada do Brasileirão. O clube está com três pontos.

Futebol