Cheia de desfalques, Ponte tenta tirar vantagem do Sport na Sul-Americana

Macaca, que será comandada pelo interino João Brigatti, não poderá contar com quatro jogadores na difícil missão desta quarta-feira. O Leão venceu o jogo de ida por 3 a 1

Sul-americana: Ponte Preta x Sport
Sul-americana: Ponte Preta x Sport

A Ponte Preta vive o seu momento mais delicado na temporada. Mal no Brasileirão e sem técnico (Gilson Kleina foi demitido no último sábado), a Macaca vê na Sul-Americana a chance de salvar o ano. Mas essa oportunidade também está por um fio. Após perder o jogo de ida das oitavas de final por 3 a 1, para o Sport, fora de casa, a equipe paulista precisa vencer por 2 a 0 para avançar às quartas de final. E, se não bastasse a desvantagem no placar, o alvinegro também terá que se virar para substituir os quatros desfalques. Ponte e Sport se enfrentam nesta quarta-feira, às 19h15, no Moisés Lucarelli.

Além de Fernando Bob, suspenso, a Macaca também não terá Aranha, Emerson Sheik e Jádson, todos vetados pelo departamento médico. Na coletiva desta terça-feira, o interino João Brigatti não deu pistas para a escalação, mas garantiu que não fará nenhuma loucura. Como precisa de dois gols, a equipe paulsita deve mandar à campo um trio ofensivo formado por Felipe Saraiva, Lucca e Léo Gamalho.

– Não temos quatro jogadores que poderiam ser titulares e a limitação da lista de inscritos. Dentro das nossas possibilidades, vamos usar o que temos de melhor. Peço até desculpa, costumo passar o time, mas do outro lado tem um treinador experiente (Vanderlei Luxemburgo) que pode se aproveitar disso. Não vamos fazer nenhuma surpresa, até porque não dá tempo – afirmou o treinador.

Assim como a Ponte, o Sport também não vive uma “calmaria” em Recife. Somando quatro derrotas consecutivas, o Leão vem em queda livre no Brasileirão, ocupando uma decepcionante 12ª posição. A vaga na Libertadores de 2018, ambicionada por Luxemburgo, pelo G6 ficou complicada, e o Rubro-Negro vê na Sul-Americana a melhor oportunidade de carimbar sua ida à competição. O zagueiro Henríquez também acredita nas chances da equipe pernambucana.

– Estamos fazendo apresentações importantes nessa competição. É uma fase que vai representar muito, é uma partida que temos de fazer tudo de melhor porque seria um passo histórico para o clube. É uma fase que vai nos permitir sonhar com a final, seria um sonho bem especial porque seria a primeira vez do Sport – afirmou o defensor ao site oficial do Sport.

Portanto, as prováveis escalações de Ponte Preta e Sport que se enfrentam nesta quarta-feira, às 19h15, em Campinas, são:

PONTE PRETA:
GOL – Aranha
LAD – Nino Paraíba (Jeferson)
ZAG – Marllon
ZAG – Luan Peres (Rodrigo)
LAE – Danilo Barcelos
VOL – Naldo
VOL – Elton (Wendel)
MEI – Renato Cajá
ATA – Felipe Saraiva
ATA – Lucca
ATA – Léo Gamalho
TEC: João Brigatti

SPORT:
GOL – Magrão
LAD – Raul Prata
ZAG – Ronaldo Alves
ZAG – Durval
LAE – Sander
VOL – Patrick
VOL – Rithely
MEI – Diego Souza
MEI – Mena
ATA – André
ATA – Rogério
TEC: Vanderlei Luxemburgo

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
Loading...