Conteúdo por Gazeta Esportiva

Clayson e Everaldo aparecem no campo e podem reforçar o Corinthians em amistoso

Os atacantes Clayson e Everaldo, que não participaram do amistoso contra o Botafogo-SP, no último sábado, em Ribeirão Preto, treinaram na manhã desta segunda-feira, no CT Joaquim Grava. Apesar de ficarem fora do coletivo em campo reduzido, que fechou a atividade, os dois trabalharam com bola durante a maior parte do treinamento e devem ficar à disposição do técnico Fábio Carille para a partida da quinta, contra o Vila Nova, às 21h30 (de Brasília), no Serra Dourada.

Ainda realizando um trabalho especial de fortalecimento para evitar sobrecarga muscular na retomada das atividades, os dois provavelmente não serão titulares. A ideia é que eles estejam entre os reservas e possam entrar no segundo tempo do amistoso, somando minutos gradativamente para ficarem totalmente à disposição no dia 14 de julho, contra o CSA, na Arena Corinthians, próximo compromisso oficial.

A ausência de ambos, aliás, provocou declarações de Carille classificando a última semana de treinos como “perdida”, já que ele não conseguiu fazer em campo o que havia pensado para a parada da Copa América. Depois de avisar com um dia de antecedência que o time não apresentaria muita coisa de diferente contra o Botinha, ele viu os atletas serem superados por 2 a 1 pela equipe do interior.

À espera de um retorno total aos treinamentos, Clayson e Everaldo estão um estágio à frente de Jadson, que mais uma vez não apareceu no gramado. O meia realiza fortalecimento no joelho para aguentar o segundo semestre sem problemas físicos. Gustagol, que deu passe para o gol de Boselli no sábado, fez trabalho interno. Michel Macedo, que atuou pela última vez no dia 8 de junho, segue em recuperação do que o Alvinegro informou ser uma contratura muscular na coxa direita.

Futebol