Clubes lamentam morte do jornalista Rafael Henzel nas redes sociais

Atualizado

A morte do jornalista Rafael Henzel, um dos sobreviventes da tragédia com avião da Chapecoense, em 2016, sensibilizou diversos clubes de futebol do país e internacionais. O Atlético Nacional, de Medellin, que iria disputar a final de Sul-Americana com a Chapecoense, em 2016, lamentou a morte do comunicador no Twitter.

Atlético Nacional, de Medellin, – Reprodução/ND

A Federação Catarinense de Futebol e os times de Santa Catarina também prestaram homenagens ao jornalista – entre eles Figueirense, Avaí, Joinville, Internacional de Lages, Blumenau e Marcílio Dias. Atlético Mineiro, Santos, São Paulo e Corinthians também se manifestaram sobre a morte do jornalista, aos 45 anos.

A imprensa sul-americana deu destaque para a morte do narrador. O Diario Olé, da Argentina, noticiou o fato, assim como os colombianos GOL Caracol e Espectador Deportes, que também colocaram a morte de Rafael em destaque. O Infobae Deportes, da Argentina, também publicou a notícia.

Repercussão – Rafael Henzel

Avaí - Reprodução/ND

Avaí - Reprodução/ND

Figueirense - Reprodução/ND

Figueirense - Reprodução/ND

Chapecoense - Reprodução/ND

Chapecoense - Reprodução/ND

Blumenau - Reprodução/ND

Blumenau - Reprodução/ND

Joinville - Reprodução/ND

Joinville - Reprodução/ND

FCF - Reprodução/ND

FCF - Reprodução/ND

Marcílio Dias - Reprodução/ND

Marcílio Dias - Reprodução/ND

Inter de Lages - Reprodução/ND

Inter de Lages - Reprodução/ND

São Paulo - Reprodução/ND

São Paulo - Reprodução/ND

Atlético - Reprodução/ND

Atlético - Reprodução/ND

Santos - Reprodução/ND

Santos - Reprodução/ND

Palmeiras - Reprodução/ND

Palmeiras - Reprodução/ND

Grêmio - Reprodução/ND

Grêmio - Reprodução/ND

Flamengo - Reprodução/ND

Flamengo - Reprodução/ND

Corinthians - Reprodução/ND

Corinthians - Reprodução/ND

Bahia - Reprodução/ND

Bahia - Reprodução/ND

Mais conteúdo sobre

Futebol