Com banda de fanfarra e Guga, torcida brasileira faz a festa na Copa Davis

A torcida brasileira deu um show nas arquibancadas da quadra do Resort Costão do Santinho. Com direito à banda de fanfarra e a presença de Gustavo Kuerten, que chegou no último set do jogo entre Thomaz Bellucci e Mate Delic, mais de três mil torcedores empurraram os tenistas brasileiros no primeiro dia do confronto entre Brasil e Croácia pelo Playoff da Copa Davis.

Eduardo Valente/ND

Cariocas do Dartagnan Eventos veio do Rio de Janeiro para prestigiar o time brasileiro

Com vários gritos de guerra e canções de incentivos, os cariocas da Dartagnan Eventos comandaram a torcida. A trupe, munida de bateria, banjo, bumbo, chocalho e corneta, veio do Rio de Janeiro para prestigiar o time brasileiro na repescagem da competição. “A gente sempre vai em Copa Davis. Acompanhamos o Brasil na Davis há 20 anos. Já estivemos aqui em 2007, quando o Guga ainda jogava e sempre trouxemos sorte”, contou Dartagnan Jatobá.

Gustavo Kuerten chegou na metade do quarto set do duelo entre Bellucci e Delic e também trouxe sorte ao brasileiro, que vinha em um momento de instabilidade dentro do jogo, mas conseguiu se recuperar e e fechar a partida por 3 sets a 1. 

Eduardo Valente/ND

Gustavo Kuerten chegou no quarto set do jogo entre Bellucci e Delic e deu sorte ao brasileiro

Mais conteúdo sobre

Tênis