Conteúdo por Gazeta Esportiva

Com gol de CR7 no final, Milan e Juve empatam pela ida da semi da Copa da Itália

Juventus buscou o empate perto do apito final no San Siro

No primeiro confronto entre Cristiano Ronaldo e Ibrahimovic pela Copa da Itália, nenhum dos dois saiu na frente. Nesta quinta-feira, Milan e Juventus se enfrentaram no San Siro, pelo jogo de ida da semifinal, e acabaram empatados em 1 a 1. O croata Rebic marcou para os donos da casa, enquanto o camisa 7 português igualou para os visitantes.

Como o gol marcado fora de casa não é critério de desempate, as duas equipes precisam da vitória para se classificar no tempo normal. Em caso de novo empate, o jogo irá para a prorrogação. Se continuar empatado, a decisão será nos pênaltis.

As duas equipes voltam a se enfrentar no próximo dia 4 de março, no Juventus Stadium. Quem se classificar, enfrentará o vencedor do confronto entre Internazionale e Napoli. Na partida de ida, o clube de Nápoles venceu pelo placar de 1 a 0.

O jogo – Em primeiro tempo equilibrado, os Rossoneri criaram as melhores chances de abrir o marcador. Em finalizações perigosas de Calabria e Rebic, o veterano Buffon foi obrigado a fazer grandes defesas para salvar a Velha Senhora e levar o empate para o intervalo.

No início da segunda etapa, aos 13 minutos, foi a vez da Juventus de ameaçar a meta adversária. Donnarumma cortou cruzamento na pequena área e afastou a bola, que sobrou na entrada da área para Dybala. O argentino tentou por cobertura, exigindo mais uma boa intervenção do arqueiro milanista.

Três minutos depois, os donos da casa tiraram o zero do placar. Çalhanoglu cruzou da direita, a bola passou por Ibrahimovic e ficou com Rebic. O croata emendou de primeira no canto direito, sem chances para Buffon, colocando o Milan em vantagem.

Aos 27, drama para os mandantes. Theo Hernández cometeu falta dura em Dybala, recebeu o segundo amarelo e foi expulso, deixando os milanistas em desvantagem numérica. E aos 45 minutos, o árbitro marcou pênalti para a Juventus por toque de mão de Calabria. Na cobrança, Cristiano Ronaldo não perdoou e deixou tudo igual, levando o empate para o jogo de volta.

Futebol