Com Heber, árbitro do duelo com o Galo, Timão não vence há cinco anos

Juiz apitou dez jogos nesse período, com quatro derrotas do Corinthians e seis empates. No Brasileiro do ano passado, Mano Menezes chegou a dizer 'não é coincidência'

Divulgação

Rodrigo Vessoni

São Paulo (SP)

O Corinthians reencontrará neste domingo um árbitro que não tem dado sorte à equipe nos últimos tempos: Heber Roberto Lopes (SC), que apitará a partida contra o Atlético-MG, no Independência, duelo visto por muita gente como uma final antecipada do Campeonato Brasileiro 2015. Com ele no apito, o clube de Parque São Jorge não vence desde 2010.

Nos últimos cinco anos, Heber comandou dez partidas do Corinthians, com seis empates e quatro derrotas, mesmo em um dos períodos mais vitoriosos da história alvinegra. A última vitória do Corinthians com Heber Roberto Lopes no apito foi no dia 24 de outubro de 2010, no clássico contra o Palmeiras. Na ocasião, a equipe venceu por 1 a 0, com gol de Bruno César, no Pacaembu. Foi a reestreia de Tite no clube. O treinador voltava dos Emirados Árabes Unidos.
ADVERTISEMENT

No Brasileirão do ano passado, após uma derrota para o Grêmio, no Sul, o técnico Mano Menezes não perdoou a sequência de insucessos do Corinthians nos jogos apitados por Heber Roberto Lopes. Na coletiva, o então treinador alvinegro desabafou:

– Não é normal o Corinthians não ganhar desde 2010 com um árbitro específico. Você perde, ganha, é beneficiado, é prejudicado. É normal. Com ele, não é normal – afirmou Mano, irritado após Guerrero ser expulso por uma cabeçada na qual foi empurrado por um gremista ao encontro de outro gremista.

Em tempo: arbitragem é um assunto proibido no atual elenco do Timão. O técnico Tite não gosta de comentar muito sobre o tema e pede a seus jogadores que se foquem apenas em jogar bola e não no apito.

RELEMBRE O JEJUM DO CORINTHIANS NOS JOGOS APITADOS POR HÉBER:

2011
5/11 – Brasileirão – Flamengo 1×1 Corinthians – Engenhão (Rio de Janeiro-RJ)

2012
11/7 – Brasileirão – Corinthians 1×3 Botafogo – Pacaembu (São Paulo-SP)
6/10 – Brasileirão – Náutico 2×1 Corinthians – Aflitos (Recife-PE)

2013
25/8 – Brasileirão – Vasco 1×1 Corinthians – Mané Garrincha (Brasília-DF)
12/9 – Brasileirão – Botafogo 1×0 – Maracanã (Rio de Janeiro-RJ)

2014
20/4 – Brasileirão – Atlético-MG 0x0 Corinthians – Parque do Sabiá (Uberlândia-MG)
20/7 – Brasileirão – Vitória 0x0 Corinthians – Barradão (Salvador-BA)
24/8 – Brasileirão – Grêmio 2×1 Corinthians – Arena do Grêmio (Porto Alegre-RS)

2015
24/5 – Brasileirão – Fluminense 0x0 Corinthians – Maracanã (Rio de Janeiro-RJ)
5/7 – Brasileirão – Goiás 0x0 Corinthians – Serra Dourada (Goiânia-GO).

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Esportes

Loading...

Com Heber, árbitro do duelo com o Galo, Timão não vence há cinco anos

Juiz apitou dez jogos nesse período, com quatro derrotas do Corinthians e seis empates. No ano passado, Mano Menezes chegou a dizer "não é coincidência"

Divulgação

O Corinthians reencontrará neste domingo um árbitro que não tem dado sorte à equipe nos últimos tempos: Heber Roberto Lopes (SC), que apitará a partida contra o Atlético-MG, no Independência, duelo visto por muita gente como uma final antecipada do Campeonato Brasileiro 2015. Com ele no apito, o clube de Parque São Jorge não vence desde 2010.

Nos últimos cinco anos, Heber comandou dez partidas do Corinthians, com seis empates e quatro derrotas, mesmo em um dos períodos mais vitoriosos da história alvinegra. A última vitória do Corinthians com Heber Roberto Lopes no apito foi no dia 24 de outubro de 2010, no clássico contra o Palmeiras. Na ocasião, a equipe venceu por 1 a 0, com gol de Bruno César, no Pacaembu. Foi a reestreia de Tite no clube. O treinador voltava dos Emirados Árabes Unidos.

No Brasileirão do ano passado, após uma derrota para o Grêmio, no Sul, o técnico Mano Menezes não perdoou a sequência de insucessos do Corinthians nos jogos apitados por Heber Roberto Lopes. Na coletiva, o então treinador alvinegro desabafou:

– Não é normal o Corinthians não ganhar desde 2010 com um árbitro específico. Você perde, ganha, é beneficiado, é prejudicado. É normal. Com ele, não é normal – afirmou Mano, irritado após Guerrero ser expulso por uma cabeçada na qual foi empurrado por um gremista ao encontro de outro gremista.

Em tempo: arbitragem é um assunto proibido no atual elenco do Timão. O técnico Tite não gosta de comentar muito sobre o tema e pede a seus jogadores que se foquem apenas em jogar bola e não no apito.

RELEMBRE O JEJUM DO CORINTHIANS NOS JOGOS APITADOS POR HÉBER:

2011
5/11 – Brasileirão – Flamengo 1×1 Corinthians – Engenhão (Rio de Janeiro-RJ)

2012
11/7 – Brasileirão – Corinthians 1×3 Botafogo – Pacaembu (São Paulo-SP)
6/10 – Brasileirão – Náutico 2×1 Corinthians – Aflitos (Recife-PE)

2013
25/8 – Brasileirão – Vasco 1×1 Corinthians – Mané Garrincha (Brasília-DF)
12/9 – Brasileirão – Botafogo 1×0 – Maracanã (Rio de Janeiro-RJ)

2014
20/4 – Brasileirão – Atlético-MG 0x0 Corinthians – Parque do Sabiá (Uberlândia-MG)
20/7 – Brasileirão – Vitória 0x0 Corinthians – Barradão (Salvador-BA)
24/8 – Brasileirão – Grêmio 2×1 Corinthians – Arena do Grêmio (Porto Alegre-RS)

2015
24/5 – Brasileirão – Fluminense 0x0 Corinthians – Maracanã (Rio de Janeiro-RJ)
5/7 – Brasileirão – Goiás 0x0 Corinthians – Serra Dourada (Goiânia-GO)
5/11 – Brasileirão – Flamengo 1×1 Corinthians – Engenhão (Rio de Janeiro-RJ)

Participe do grupo e receba as principais notícias
do esporte de Santa Catarina e do Brasil na palma da sua mão.

Entre no grupo Ao entrar você está ciente e de acordo com os
termos de uso e privacidade do WhatsApp.
+

Esportes

Loading...