Darlan quebra três recordes dos Jogos Abertos na mesma prova

Atualizado

A medalha de ouro do arremesso de peso para Darlan Romani, de Concórdia, já era esperada, mas não que quebraria três o seu próprio recorde na mesma prova. A sua presença na última etapa do atletismo da 59ª edição dos Jogos Abertos Santa Catarina atraiu um bom público na Pista Murilo Barreto de Azevedo, em Jaraguá do Sul, apesar das condições do tempo.

Darlan Romani quebra três recordes na mesma prova – Foto: Foto Mauricio Vieira / Fesporte

Novamente muitas “selfies” e autógrafos na chegada e saída. Afinal de contas foi ouro nos Jogos Mundiais Militares, na China, Pan-Americanos de Lima e em Eugene, nos Estados Unidos fez 22,61m, a melhor de todas as marcas.

No primeiro arremesso Darlan já quebrou o seu recorde nos Jasc, que era de 16m76, com 20,31m. Mesmo assim continuou ampliar e no terceiro, fez 20,70m. No último fez 21,26m muito comemorado pelo concordiense como se fosse o seu primeiro na história e também pelo púbico, que dividiu às atenções com as demais provas que aconteciam paralelamente. O segundo colocado foi Luiz Fernando Mathias, de São José, com 15,46m e Ánderson Ferreira, de Timbó, que arremessou 15,27m.

Darlan retornou dos Estados Unidos na quarta-feira e mal chegou em São Paulo embarcou para Jaraguá do Sul. O cansaço foi natural, mas mesmo sem treinar há duas semanas ganhou a prova. “Os Jogos Abertos é uma competição importante e precisa continuar sendo levado a sério porque ninguém entra para perder”. O segundo colocado foi Luiz Fernando Mathias, de São José, com 15,46m e Ánderson Ferreira, de Timbó, que arremessou 15m27.

Leia também

Mais conteúdo sobre

Jasc 2019