Conteúdo por Gazeta Esportiva

De acordo com jornal, PSG recusa oferta por Neymar: R$ 170 milhões mais Coutinho e Dembelé

Atualizado

PSG quer apenas receber dinheiro para vender Neymar (Foto: Divulgação/PSG)

As especulações relacionadas a Neymar ganharam um novo capítulo nesta terça-feira. De acordo com o jornal espanhol As, o Paris Saint-Germain recusou uma proposta do Barcelona por Neymar pelo valor de 40 milhões de euros (cerca de R$ 170 milhões), além da cessão de Philippe Coutinho e do atacante Dembelé.

O PSG está aberto à possibilidade de vender Neymar, porém não está interessado em receber outros jogadores na negociação. O clube francês quer apenas o dinheiro, com o objetivo de recuperar os 222 milhões de euros (cerca de R$ 935 milhões) depositados há três anos. A pedida inicial dos parisienses seria de 300 milhões de euros (cerca de R$ 1,260 bilhão).

O jornal madrileno ainda revela que não houve uma oferta oficial, tendo havido uma sondagem para saber a receptividade dos franceses com a proposta envolvendo dinheiro e jogadores. Muitos intermediários estão envolvidos na negociação, que teve início há cerca de um mês.

O grande obstáculo para o Barcelona é a questão financeira, já que o clube espanhol recentemente gastou 120 milhões de euros (cerca de R$ 505 milhões) para contratar Griezmann, contraindo empréstimos para finalizar a transação. Além disso, os catalães já haviam desembolsado 75 milhões de euros (cerca de R$ 315 milhões) pelo meio-campista De Jong, que estava no Ajax.

Por fim, o Barcelona ainda teria dificuldade de adequar o salário de Neymar ao orçamento do clube. De acordo com o As, o atacante brasileiro recebe 36 milhões de euros (cerca de R$ 150 milhões) líquidos anualmente na França. Mesmo que os espanhóis consigam reduzir este valor nas negociações, os valores ainda estariam distantes do poderio econômico atual do Barça.

Futebol