Conteúdo por Gazeta Esportiva

De Randamie iguala recorde histórico e nocauteia Ladd em 16 segundos

De Randamie iguala marca de Ronda Rousey (Foto: Divulgação/UFC)

16 segundos. Germaine de Randamie precisou apenas desse tempo para nocautear a estadunidense Aspen Ladd na luta do card principal do UFC Sacramento, nos Estados Unidos, na madrugada deste sábado. Depois de deixar a categoria de peso-pena e passar a ser a número um do ranking do peso-galo, a holandesa é favorita para desafiar a portadora do cinturão da categoria, a brasileira Amanda Nunes.

O nocaute de Randamie igualou o recorde de finalização mais rápida da história das lutas femininas do UFC. O outro confronto de 16 segundos aconteceu em 2014, na vitória de Ronda Rousey sobre Alexis Davis. Irritados com a decisão do árbitro, a torcida presente na arena vaiou ao fim da luta, considerando que Ladd ainda tinha condições de permanecer na disputa.

“Está tudo bem, Sacramento. Eu entendo a reação de vocês. Mas eu acertei um golpe duro e Herb Dean decidiu interromper a luta. Não é culpa minha. O golpe entrou, e eu precisava muito disso. Agora vamos esperar o UFC decidir quem será a minha próxima adversária”, afirmou Germaine, que não falou em desafiar Amanda Nunes.

O golpe que deu fim à luta veio com uma direita que acertou em cheio o rosto de Aspen Ladd. Depois de cair sentada, a estadunidense ainda recebeu mais um golpe de esquerda na cabeça. Assim, o árbitro Herb Dean encerrou a luta e decretou o nocaute técnico, sacramentando a vitória de Randamie.

Mais conteúdo sobre

Mais Esportes