Diego e Revér homenageiam Juan; Rodinei e Marlos serão reavaliados

Diego com a blusa de Juan na comemoração do segundo gol do Flamengo (Foto: Celso Pupo/Fotoarena)
Diego com a blusa de Juan na comemoração do segundo gol do Flamengo (Foto: Celso Pupo/Fotoarena)

A vitória sobre a Chapecoense, no Maracanã, serviu para o elenco do Flamengo homenagear Juan. O zagueiro – que sofreu uma ruptura do tendão de Aquiles do tornozelo direito – passará por cirurgia e não vai mais atuar na temporada. Na comemoração do segundo gol, Diego estendeu a camisa 4 de Juan. Na saída de campo, o meia lembrou da importância do jogador para o resto do elenco.

– É o primeiro pênalti que bato na temporada, sempre um momento de muita emoção. Fui premiado de poder fazer o gol justamente hoje para poder homenagear esse grande ídolo que é o Juan. Que ele se recupere o quanto antes. Continuará sendo muito importante para nós – valorizou o camisa 10, que teve o seu discurso corroborado pelo capitão Réver na saída de campo:

– O Juan é um exemplo. Tivemos uma conversa e o Juan é um sujeito humilde, exemplo para ser seguido, não só para os meninos, mas também para os mais experientes. Fica os meus votos pela melhora – destacou Réver.

Depois de duas derrotas seguidas no Brasileirão, o Flamengo voltou a vencer e segue na caça ao líder São Paulo, que tem cinco pontos de vantagem. O time soma 44 pontos na competição nacional. O próximo compromisso é na quarta, contra o Corinthians, também no Maracanã, pela semifinal da Copa do Brasil.

RODINEI E MARLOS MORENO SERÃO REAVALIADOS
​O técnico Maurício Barbieri pode ganhar novos desfalques para os próximos jogos. O lateral Rodinei foi substituído no intervalo, com dores no adutor da coxa esquerda. Ele iniciou tratamento já no vestiário do Maracanã. Já Marlos Moreno – que entrou no lugar de Éverton Ribeiro, no segundo tempo – levou uma joelhada nas costas. O colombiano saiu de maca, com dores, e, assim como Rodinei, será melhor reavaliado na reapresentação rubro-negra.

Mais conteúdo sobre

Esporte